INFORMAÇÃO

Um aniversário marcado pelo início de campanhas

Sem comemorações, por conta da pandemia, Mogi vive 1º de setembro atípico

Os 460 anos de Mogi das Cruzes serão comemorados hoje sem o tradicional desfile e outras atrações geralmente programadas para marcar a data. A pandemia de Covid-19 fez com que tais atividades fossem deixadas de lado, em nome do distanciamento social, tão burlado nos últimos tempos, mas ainda necessário para manter a curva descendente da doença no município. Sob outro prisma, o aniversário encontra a cidade no início de uma campanha eleitoral, igualmente atípica em razão da mesma pandemia, que adiou o pleito e também os prazos para as convenções municipais, a serem realizadas a partir desta semana. Os pré-candidatos já se preparam para uma campanha também diferente, onde o contato direto com o eleitor terá de ser evitado ao máximo, enquanto deverão ganhar corpo as ações via internet e também nos horários eleitorais gratuitos e debates que acontecerão na televisão. O certo é que um debate mais aprofundado sobre a cidade e seus problemas terá de superar o desafio da superficialidade que a exiguidade do tempo deverá impor aos candidatos. A pandemia mudou tanto o ritmo de vida e a forma de ação das pessoas que acabou por mascarar problemas que já deveriam estar sendo enfrentados e resolvidos. Como a questão do pedágio na Mogi-Dutra, parcialmente esquecido e retirado da linha de frente do debate político. Da mesma forma, obras que o Estado havia prometido – e não realizado – acabaram postergadas e jogadas na conta da pandemia. No plano municipal, as atenções e verbas também foram carreadas para o ataque à doença e o grande projeto municipal, o Programa + Mogi Ecotietê, atravessa os obstáculos da burocracia e, fora os projetos de dois parques – a serem iniciados ainda este ano –, todas as demais obras de grande porte ficarão para o 2021, sob responsabilidade do prefeito a ser escolhido em novembro próximo. Enfim, vivemos um aniversário atípico, sem dúvida, o mais diferente das últimas décadas. E que as lembranças em torno da cidade, sua história, presente e futuro sirvam como incentivo para que os candidatos façam campanhas limpas e propositivas para a Mogi pós-pandemia.

Dupla comemoração

O bispo diocesano, dom Pedro Luiz Stringhini, gravou um vídeo nas redes sociais convidando o público para a missa em comemoração aos 460 anos de Mogi das Cruzes, que acontecerá às 9 horas de hoje, na Catedral de Santana, com transmissão pelo site daquela igreja, e, via YouTube, também pelo site Igreja na Mídia. O religioso lembra que, na oportunidade, o prefeito de Mogi, Marcus Melo (PSDB) também faz aniversário. Melo estará completando 48 anos de seu nascimento, na antiga Maternidade Mãe Pobre, atual Mogi-Mater Hospital e Maternidade.

Convenções

O Podemos anuncia a sua convenção digital para o próximo dia 3 (quinta), às 19h19, para oficialização dos candidatos a prefeito e vice, Caio Cunha e Priscila Yamagami Kähler, respectivamente, além dos candidatos a vereador. O Solidariedade, que deverá se coligar com o Podemos na eleição majoritária e lançará chapa de vereadores, fará convenção amanhã, dia 2 (quarta), também online, a partir das 19 horas. Já o PTC fará a sua, presencial, no dia 10 de setembro (quarta), entre 9 e 17 horas, na rua Gaspar Conqueiro, 2.925, no Alto do Ipiranga. Partido vai lançar a candidatura do advogado Michael Della Torre a prefeito, vice e chapa de vereadores.

Distanciamento?

Quem se impressionou com as imagens do domingo de forte calor nas praias do Rio e da Baixada Santista, onde a aglomeração de banhistas impedia até mesmo de se ver a areia, certamente não atentou para o que aconteceu no último, na ligação rodoviária Mogi das Cruzes-Bertioga. A estrada apresentou um movimento só visto em feriados prolongados da fase pré-pandemia. O trânsito lento elevou para mais de uma hora o tempo de viagem entre Mogi e o litoral.

Caiu!

Contratado para um show online, exclusivo para a cidade de Paraguaçu, em Minas Gerais, que fazia aniversário no domingo, o padre cantor Alessandro Campos foi traído pela tecnologia (ou falta dela). Preparado para ser gerado de um espaço exclusivo para lives e shows pela internet, localizado na Serra da Cantareira, em São Paulo, o show estava pronto para acontecer e tudo ia bem até a contagem regressiva de cinco minutos para o início. Aí, a internet caiu e não houve operadora que garantisse o sinal para o show do religioso. A apresentação acabou ficando para ontem, segunda-feira.

Frase

Pensamos no desenvolvimento econômico, mas é preciso que as pessoas estejam habitando e trabalhando nas áreas corretas e adequadas do município.

Claudio de Faria Rodrigues, secretário municipal de Planejamento


Deixe seu comentário