Entrar
Perfil
Após Denúncia

Homem mata e engole cobra em bar interditado em Suzano

Fiscalização municipal visitou espaço após receber vídeo de maus tratos ao animal; Os responsáveis pela ação ambiental foram conduzidos às autoridades.

O Diário
21/12/2021 às 09:17.
Atualizado em 21/12/2021 às 09:23

Prefeitura realizou a interdição do bar localizado no Parque Residencial Samambaia (Irineu Junior - Prefeitura de Suzano)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
Após Denúncia

Homem mata e engole cobra em bar interditado em Suzano

Fiscalização municipal visitou espaço após receber vídeo de maus tratos ao animal; Os responsáveis pela ação ambiental foram conduzidos às autoridades.

O Diário
21/12/2021 às 09:17.
Atualizado em 21/12/2021 às 09:23

Prefeitura realizou a interdição do bar localizado no Parque Residencial Samambaia (Irineu Junior - Prefeitura de Suzano)

A Prefeitura de Suzano realizou nesta segunda-feira (20) a interdição de um bar localizado no Parque Residencial Samambaia. A ação foi motivada por uma denúncia, após um vídeo viral que circulou na internet, em que um cidadão matou e ingeriu uma cobra em um estabelecimento sem alvará de funcionamento na região sul da cidade. Os responsáveis pela ação ambiental foram conduzidos às autoridades para análise do caso.

De acordo com o Departamento de Fiscalização e Posturas, a equipe recebeu um vídeo por meio das redes sociais de um munícipe consumindo uma cobra em um bar, a plena vista dos clientes do comércio. Com isso, profissionais do órgão decidiram vistoriar o local para investigar o acontecido, com apoio de uma viatura da Polícia Militar (PM) e outra da Guarda Civil Municipal (GCM).

Carregando...

Chegando na região, a fiscalização buscava confirmar a presença ou não de outros animais peçonhentos no estabelecimento ao entrar em contato com a proprietária do bar. Durante a verificação, foi constatado que o animal havia sido retirado do matagal na proximidade, fato que motivou a verificação dos documentos necessários para o funcionamento do comércio. Porém, a responsável pelo local disse não possuir nenhum comprovante da legalidade do local, motivando a interdição do espaço.

Como resultado da publicação do vídeo nas redes sociais e a verificação das equipes de Segurança da cidade, o munícipe responsável por ingerir o animal silvestre e a dona do estabelecimento serão encaminhados às autoridades por crime ambiental. No vídeo em questão, o morador da região é registrado cortando o animal em pedaços na frente de outros indivíduos antes de digeri-lo, sendo acompanhado inclusive por membros da proprietária do local.

"Estamos sempre atentos às irregularidades nos estabelecimentos da cidade, independentemente dos motivos ou da forma como estas chegam para nós. Situações como a que vimos hoje fazem parte de nosso trabalho e devemos manter a vigilância constante para que locais como este bar operem dentro da regularidade ou deixem de funcionar", ressaltou o diretor de Fiscalização, Edson Tavares.

Por sua vez, o secretário municipal do Meio Ambiente, André Chiang, também lamentou a ocorrência, apontando a gravidade de um crime ambiental como o registrado. "Esta é uma situação grave e inconsequente por parte do munícipe, não apenas em relação aos maus tratos e a morte de um animal, como também pelas possíveis consequências à sua saúde ao ingerir um animal desconhecido. Trabalhamos diariamente para evitar situações como essa através da conscientização e dos cuidados com nossa fauna local e esperamos que sejam tomadas as medidas cabíveis", afirmou.

Agradecendo o apoio dos oficiais da GCM e da PM, Tavares parabenizou a colaboração das equipes e ressaltou a importância das denúncias por parte da população. Para realizar denúncias sobre funcionamento inadequado de comércios basta ligar para o Departamento de Fiscalização de Posturas no telefone (11) 4745-2046.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por