MENU
BUSCAR
QUARENTENA

Fiscalização em Suzano notifica 14 comércios no fim de semana

Estabelecimentos da região central estavam funcionando após o horário permitido

O DiárioPublicado em 03/05/2021 às 17:58Atualizado há 1 mês
Foto: divulgação / Irineu Junior / Secop Suzano
Foto: divulgação / Irineu Junior / Secop Suzano

A Prefeitura de Suzano segue realizando fiscalizações no centro da cidade para interromper festas clandestinas e fechar estabelecimentos operando de forma irregular. As ações aconteceram entre as noites de sexta-feira e de domingo (30/04 e 02/05) e resultaram na identificação de 14 comércios abertos além do horário permitido. Destes, dois bares foram interditados por 30 dias.

A operação foi realizada por equipes da Guarda Civil Municipal (GCM) de Suzano, do Departamento de Fiscalização de Posturas, da Vigilância Sanitária e das Secretarias Municipais de Transportes e Mobilidade Urbana e de Governo, com o apoio da Polícia Militar. As ações são realizadas periodicamente e têm como objetivo verificar se as determinações municipais de combate à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) estão sendo respeitadas no município.

Os agentes vistoriaram 14 estabelecimentos comerciais da região central da cidade, entre bares, restaurantes, lanchonetes, padarias e tabacarias, que estavam abertos após o horário permitido para o consumo no local determinado em decreto municipal, que é até as 19 horas. Dois bares foram interditados e deverão permanecer fechados pelo período de 30 dias. Em caso de descumprimento, poderão ter o alvará de funcionamento cassado. Nos demais locais foram emitidas notificações.

Atualmente Suzano se encontra na “Fase de Transição” do Plano São Paulo. Com isso, é permitido o funcionamento e consumo no local em restaurantes e similares, salões de beleza, barbearias, academias, clubes e espaços culturais como cinemas, teatros e museus.

Mesmo com o recuo das determinações mais rígidas, ainda existem restrições que devem ser respeitadas. Os estabelecimentos podem operar com público limitado a 25% da capacidade total, devem respeitar horário de funcionamento estipulado e seguir protocolos para padrões de higiene, como a oferta de álcool gel, aferição de temperatura, respeito ao distanciamento mínimo entre as pessoas e outras ações que visem a proteção e a segurança de todos os presentes. O uso de máscara segue obrigatório para todos os cidadãos, em espaços fechados e abertos.

O prefeito Rodrigo Ashiuchi alertou a população sobre a importância de manter os cuidados e respeitar o distanciamento social para que, juntos, possam superar esta crise sanitária o mais breve possível. Ele ainda reforçou que as fiscalizações continuam a acontecer pelo município rotineiramente, visando garantir a segurança de todos.

“A pandemia da Covid-19 segue em um de seus momentos mais críticos e não podemos nos descuidar. Nosso objetivo com essas medidas é atenuar o impacto do vírus na cidade e prezar pelo bem-estar dos suzanenses. Portanto, continuem se cuidando, respeitem as restrições e pratiquem o distanciamento social”, ressaltou o chefe do executivo.

Para realizar denúncias sobre funcionamento inadequado de comércios basta ligar para o Departamento de Fiscalização de Posturas no telefone (11) 4745-2046. Aglomerações e festas clandestinas podem ser denunciadas por meio do “Disk Aglomeração” de Suzano, no WhatsApp (11) 99317-3821.