Entrar
Perfil
IDENTIFICAÇÃO

Ação ‘Meu Primeiro RG’ cadastra 50 crianças em Suzano

Projeto-piloto voltado para jovens em situação de vulnerabilidade está em fase de testes em Suzano

O Diário
27/04/2022 às 17:38.
Atualizado em 27/04/2022 às 17:41

Na ação, 50 jovens de até 17 anos compareceram, acompanhados de responsáveis, para oficializar seu documento (Divulgação - Prefeitura de Suzano)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
IDENTIFICAÇÃO

Ação ‘Meu Primeiro RG’ cadastra 50 crianças em Suzano

Projeto-piloto voltado para jovens em situação de vulnerabilidade está em fase de testes em Suzano

O Diário
27/04/2022 às 17:38.
Atualizado em 27/04/2022 às 17:41

Na ação, 50 jovens de até 17 anos compareceram, acompanhados de responsáveis, para oficializar seu documento (Divulgação - Prefeitura de Suzano)

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego organizou o projeto-piloto “Meu Primeiro RG” para 50 crianças nesta terça-feira (26). O processo realizado no Centro Unificado de Serviços (Centrus) da região norte conferiu a oportunidade de jovens tirarem seu registro geral mediante acompanhamento do Instituto de Identificação “Ricardo Gumbleton Daunt” (IIRGD), da Polícia Civil de São Paulo.

Na ação, 50 jovens de até 17 anos compareceram, acompanhados de seus respectivos responsáveis, à unidade do Centrus para oficializar seu documento. Pela natureza de teste dos protocolos, foi determinado um número limite de alunos selecionados pela Associação de Assistência à Mulher, ao Adolescente e à Criança Esperança (Aamae), para consulta na parte da manhã, e de moradores do bairro Jardim São José no período da tarde, estes mediante agendamento feito pela equipe da Unidade de Saúde da Família (USF) Manuel Evangelista Oliveira.

O projeto contou com a participação de fotógrafo para registrar as fotos-retrato em formato 3x4 e dois cabeleireiros de prontidão para cortar os cabelos das crianças, caso o responsável acompanhante o autorizasse. Os requisitos mínimos para realizar os cadastros incluíam a exibição da certidão de nascimento original e sem rasura do menor de idade e da apresentação de um documento de identidade com foto por parte dos acompanhantes legais.

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, André Loducca, os documentos estarão disponíveis em breve para uso dos recém-cadastrados. “Processamos cada cadastro e, em breve, receberemos os documentos aqui no Centrus Norte. Após isso, faremos o encaminhamento dos RGs para os locais de inscrição e avisaremos os responsáveis pelos jovens que o documento de seu filho ou protegido legal está disponível para recolhimento”, comentou.

Segundo o titular da pasta, os primeiros testes da ação passarão por análise da Polícia Civil para cogitar a implantação de um serviço perene desta natureza na cidade. “Muitas pessoas, incluindo adultos, ainda não tem um documento de identificação e essa foi uma forma que encontramos de ajudar ao menos as crianças que ainda não possuem esse registro nestes bairros. Por ser um projeto-piloto, avaliamos protocolos, modo de atendimento e demandas para, quem sabe, implantarmos isso de forma efetiva em outras áreas”, disse Loducca.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
Copyright © - 2022 - O Diário de MogiÉ proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuído por