COVID-19

Saúde de Mogi monitora paciente internada com suspeita do novo coronavírus

SERVIÇO Gestão do Hospital Municipal, localizado em Braz Cubas, sofreu mudança recentemente. (Foto: arquivo)
Está em funcionamento o Centro de Referência do Coronavírus no Hospital Municipal de Mogi, com entrada exclusiva pelo Bloco “B”, que fica na rua Capitão Francisco de Almeida. (Foto: divulgação – Ney Sarmento)

A Secretaria Municipal de Saúde está monitorando um novo caso suspeito de Covid-19 na cidade. A paciente de 33 anos procurou atendimento no Centro de Referência do Coronavírus do Hospital Municipal de Mogi das Cruzes, em Braz Cubas, com sintomas de febre, tosse e febre, permanecendo internada desde a noite de quarta-feira (18/03).

“A paciente evoluiu muito bem de ontem para hoje e já estamos avaliando a possibilidade de alta amanhã”, adiantou o secretário Henrique Naufel. A confirmação do caso depende do resultado de análise do material já encaminhado para o Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo.

Até o momento, Mogi das Cruzes possui 47 notificações suspeitas de coronavírus, das quais cinco foram descartadas e as demais aguardam resultados de exames. Entre eles está a contraprova do primeiro caso confirmado entre mogianos, que é uma paciente de 43 anos internada em um hospital particular da Capital. O seu marido também está internado com a doença, mas a unidade hospitalar ainda não oficializou a notificação na Vigilância Epidemiológica do nosso município.

Atendimento

Desde quarta-feira (18/03), está em funcionamento o Centro de Referência do Coronavírus no Hospital Municipal de Mogi das Cruzes, com entrada exclusiva pelo Bloco “B”, que fica na rua Capitão Francisco de Almeida, nº 466, no distrito de Braz Cubas. O serviço médico já está disponível para pacientes com idade a partir dos 13 anos. Para menores, o atendimento continua sendo realizado no PA 24 horas Infantil.

Outro serviço é um canal de atendimento com médicos para esclarecimentos de dúvidas sobre a nova doença. Funciona 24 horas por dia e pode ser acionado pelo 4798-5160. Para outras dúvidas relacionadas à pandemia ou sobre consultas, exames e cirurgias desmarcadas, o atendimento pode ser feito pelo SIS 160.


Deixe seu comentário