MENU
BUSCAR
POLÍCIA

PM recupera veículo usado em estelionato por venda de tintas

Dentro do carro havia o documento de uma pessoa que possuía passagem criminal pelo crime de tráfico de entorpecentes

O DiárioPublicado em 01/06/2021 às 14:08Atualizado há 15 dias
Divulgação - PM
Divulgação - PM

Nesta terça-feira (1), uma equipe do Comando de Grupo Patrulha (CGPII) da 2ª Companhia do 17º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano apreendeu em Jundiapeba um veículo usado em estelionato por vendas de tintas e cartões de crédito, pela região do município de Bragança Paulista.

Tudo começou quando, durante patrulhamento de supervisão pelo bairro, os policiais depararam com um veículo modelo Voyage "que empreendeu fuga".

Após um "breve acompanhamento", os policiais observaram quando o automóvel parou e "dois indivíduos armados novamente fugiram, adentrando um condomínio residencial".

À princípio nada de ilícito foi encontrado, porém, no decorrer da vistoria veicular, localizou-se uma Carteira Nacional de Habilitação, alguns pertences pessoais e, no porta malas, quatro latas de tintas.

Realizada a pesquisa junto ao Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), verificou-se que a pessoa que constava no documento possuía passagem criminal pelo crime de tráfico de entorpecentes e que, em relação ao veículo, havia uma ocorrência de estelionato por vendas de tintas e cartões de crédito pela região do município de Bragança Paulista

Segundo a PM, "a ocorrência foi apresentada na Central de Flagrantes, ocasião em que, por meio da Delegacia Seccional de Bragança Paulista, foi possível fazer contato com a vítima do estelionato, a qual confirmou a prática delituosa".

Nesse momento, o Copom "irradiou o roubo de um veículo Voyage por Jundiapeba, informando que o crime havia sido praticado por dois indivíduos armados e que a vítima era motorista de aplicativo".

Os policiais Militares, com o apoio do Copom, solicitaram a presença do motorista na Central de Flagrantes, o qual foi qualificado em boletim de ocorrência como autor em relação ao crime de estelionato e vítima referente ao crime de roubo do seu automóvel.

De acordo com o boletim, "o indivíduo foi liberado, oportunidade em que lhe foi devolvido o seu carro, porém, as quatro latas de tintas foram apreendidas".

ÚLTIMAS DE Polícia