Entrar
Perfil
ESTRADA PERIGOSA

Motociclista morre em acidente na Rodovia Mogi-Salesópolis

Homem de 34 anos que pilotava motocicleta morreu na noite desta sábado, depois de bater na traseira de um carro; uma pessoa que estava na garupa ficou ferida.

O Diário
22/05/2022 às 15:38.
Atualizado em 22/05/2022 às 19:09

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
ESTRADA PERIGOSA

Motociclista morre em acidente na Rodovia Mogi-Salesópolis

Homem de 34 anos que pilotava motocicleta morreu na noite desta sábado, depois de bater na traseira de um carro; uma pessoa que estava na garupa ficou ferida.

O Diário
22/05/2022 às 15:38.
Atualizado em 22/05/2022 às 19:09

Mais um acidente com morte na rodovia Mogi-Salesópolis. Um homem de 34 anos, morreu depois de colidir a motocicleta que pilotava em um carro na estrada.

De acordo com a Secretaria Estadual de segurança Pública (SSP`), o acidente aconteceu na altura do bairro Nova Biritiba, no trecho do município de Biritiba Mirim na noite deste sábado (21). O piloto da moto bateu na traseira de um carro. Ele motociclista não resistiu e morreu no local do acidente.

O motociclista estava carregando outra pessoa na garupa da moto, que socorrida e encaminhada ao Hospital Luzia de Pinho Melo em Mogi das Cruzes.

O acidente foi registrado como homicídio culposo e lesão corporal culposa, pela Delegacia de Biritiba Mirim.

A SSP não forneceu o nome das vítimas. A reportagem de O Diário encaminhou um pedido de informações à Secretaria de Estado de Saúde sobre o estado da pessoa que está internada.

Acidentes 

Uma reportagem publicada por O Diário há uma semana mostra que desde que os radares do acesso foram desligados, pelo menos sete mortes ocorreram nesta rodovia, a SP-88

Neste ano, além do caso deste sábado, outras três pessoas, uma mulher e dois homens, morreram na estrada que continuará sem a fiscalização eletrônica, por período indeterminado, segundo resposta do Governo do Estado.

Um levantamento em publicações em sites da cidade e região revela que sábado e domingo são os dias com mais registros, e motociclistas são a maioria das vítimas que vieram a óbito. Nestas tragédias, chama atenção a presença de caminhões e ônibus nas colisões.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por