MENU
BUSCAR
Em Arujá

Influenciadora acusa agressão por usar short curto; veja vídeo

Imagens mostram Ayarla Souza, de 22 anos, agredida por mulheres em um condomínio de luxo de Arujá

O DiárioPublicado em 21/04/2021 às 20:32Atualizado há 2 meses

O uso de short curto teria sido a causa de agressão contra a influenciadora Ayarla Souza, de 22 anos. Vídeos gravados por amigos dela mostram o momento em que a vítima foi abordada por outras mulheres, em um condomínio de Arujá.

Ayarla estava morando no local há duas semanas e não imaginou que passaria por uma situação dessas. A vítima contou para a TV Diário que começou a receber ameaças na última quinta-feira e agressão aconteceu no dia seguinte.

As imagens feitas pelos amigos da influenciadora mostram que as suspeitas puxam o cabelo da influencer, que revida, até que dois seguranças aparecem para separá-las.

Após as agressões, Ayarla procurou atendimento médico. O relatório aponta que ela sofreu escoriações no rosto, lesões nas unhas das mãos e inchaço no tornozelo direito.

A vítima contou que, antes da agressão, uma das vizinhas subiu no muro da casa dela para xingar os influenciadores que vivem no local. “Ela me chamou de vagabunda, disse que eu andava pelada no meio da rua, por causa do short que eu usava”, relata.

Ainda segundo a influenciadora, as supostas agressoras teriam criado um grupo de moradores em uma rede social, onde compartilharam fotos com xingamentos e acusações.

O advogado da vítima disse que vai processar as agressoras e também o condomínio, que proibiu que ela recebesse visitas após o fato.

A Secretaria de Segurança Pública informou que a unidade colheu o depoimento de todas as partes envolvidas e orientou a vítima quanto ao prazo de representação criminal. Diligências estão em andamento para esclarecer os fatos.

O condomínio informou que, por conta do feriado, não teria como comentar a situação.

 Condomínio

Ayarla disse que divide a casa no condomínio em Arujá com amigos influenciadores e que produz vídeos com coreografias de músicas para a internet. 

Ela é da Paraíba e mora em São Paulo há três meses, desde que recebeu o convite de um empresário interessado em investir em sua carreira. Ela mora na mansão com outros oito produtores de conteúdo. Cada um tem seu próprio canal, mas eles também gravam vídeos juntos sobre a rotina na mansão.

Atualmente, a jovem tem mais de 2 milhões de seguidores em uma rede social e seus vídeos somam quase 10 milhões de curtidas.

ÚLTIMAS DE Polícia