MENU
BUSCAR
HOMICÍDIO

Homem é assassinado em César de Souza, distrito de Mogi das Cruzes

O caso de homicídio causado por uma briga aconteceu início da tarde deste domingo (31) no Jardim São Pedro, em César. O suspeito de ter cometido disparado com arma de fogo está foragido

O DiárioPublicado em 31/10/2021 às 16:58Atualizado há 1 mês
Divulgação/Imagens de redes sociais
Divulgação/Imagens de redes sociais

O homem que se chamava Agnaldo Raimundo da Silva, tinha 48 anos, solteiro,e trabalhava como peixeiro, foi assinado durante uma briga em um comércio no bairro do Jardim São Pedro, próximo à rotatória das avenidas João XXIII e Nilo Marcatto.

De acordo com o boletim de ocorrência, registrado na Central de Flagrantes de Mogi, o suspeito de ter cometido o homicídio, Waldir de Carvalho, de 58 anos, é torneiro mecânico e dono do estabelecimento onde caso aconteceu o caso.

Consta no registro policial que os PM foram acionados via Copom para atender uma ocorrência versando sobre disparo de arma de fogo, no distrito de César, por volta das 12h40 deste domingo (31).

Ao chegar no chegado no local, os policiais constataram que a vítima estava caída no chão, aparentemente com uma perfuração na cabeça. Uma equipe do Samu foi acionada, mas ao chegar no local constatou que a vítima estava morta.

Segundo informações de populares que não quiseram se identificar, o peixeiro se encontrava no interior do estabelecimento do suspeito investigado, quando aconteceu uma discussão entre os dois.

Durante a briga, de acordo com as testemunhas, Agnaldo teria empunhado uma faca, ocasião em que o suspeito investigado pegou uma arma de fogo e efetuou disparos contra o peixeiro. Logo após, Waldir teria fechado o seu comércio, evadindo-se do local. Ele não se apresentou à polícia.

O caso foi registrado pelo delegado de plantão José Carlos Alvarenga, que foi solicitou perícia no local dos fatos e exame de corpo de delito.

ÚLTIMAS DE Polícia