MENU
BUSCAR
ZONA RURAL

Após roubo a família do Cocuera, três assaltantes são procurados pela PM

Comunicação entre os integrantes do projeto de segurança preventiva permitiu a recuperação de carro e objetos roubados de família. Bando conseguiu fugir

Eliane JoséPublicado em 20/11/2021 às 09:13Atualizado há 10 dias
Reprodução/Alto Tietê em Foco
Reprodução/Alto Tietê em Foco

(Matéria em atualização)

Em uma ação do projeto Vizinhança Solidária, que está hoje em 12 bairros de Mogi das Cruzes, um carro de uma família no bairro do Cocuera foi recuperado. A Polícia Militar procura três assaltantes que ameaçaram as vítimas e levaram os objetos da residência, localizada na zona rural de Mogi das Cruzes..

Os ladrões estão sendo procurados após notarem a presença dos policiais militares e abandonarem o veículo com a chave no contato, em uma das estradas vicinais do Cocuera.

Segundo as vítimas, elas sofreram ameaças e tortura psicológica durante o roubo. Os familiares teriam sido rendidos por volta das 14 horas, e os ladrões ficam na casa até por volta das 20 horas.

Foram levados objetos como celulares e o carro Volkswagen T-Cross, preto, que foi encontrado por policiaiis da Patrulha Rural.

Foram recuperados o carro. Segundo a família, foram levados eletrodomésticos, três celulares, dois notebook, e inclusive peças de roupas.

A ocorrência foi acompanhada pelos cabos Roberto, Jacqueline e Jesus, e o sargento Policarpo.

Segundo apurou O Diário, policiais que integram o Vizinhança Solidária, como a cabo Simone, iniciaram as buscas por estradas da região logo após as primeiras comunicações no grupo..

Os ladrões teriam percebido a movimentação policial e abandonaram o carro em uma região de sítios e diversas estradinhas de terra, que interligam as propriedades rurais.

Vizinhança

Formado por tutores e policiais militares, o Vizinhança Solidária permite uma rápida comunicação entre as vítimas e a Polícia Militar.

Foram as comunicações pelo WhatsApp que levaram ao desfecho da ocorrência, segundo reflete Luis Franco de Souza, morador do distrito do Taboão, um dos tutores do grupo, e responsável pelas páginas nas redes sociais, Taboão e Alto Tietê em Foco.

O Vizinhança Solidária cobre uma área que vai do Taboão ao Conjunto Nova Bertioguinha (conheça mais sobre o programa)

Segundo Souza, mais de 1,6 mil famílias de diferentes bairros estão integradas à rede de telefone do ao projeto. "Isso permite que, em casos como o do Cocuera, quando há uma viatura próxima, rapidamente, um roubo, como o que ocorreu ali, seja combatido", afirmou, destacando que outros casos semelhantes estão fazendo parte da crônica de atuação desse programa..

ÚLTIMAS DE Polícia