MENU
BUSCAR
VIOLÊNCIA

Ajudante tenta matar companheira a facadas em César de Souza

O caso de violência contra a mulher ocorreu porque ela teria pedido a separação

O DiárioPublicado em 13/04/2021 às 14:41Atualizado há 30 dias

A Policia Militar prendeu no último final de semana, o ajudante Wesley do Carmo da Silva, de 25 anos, por tentar matar com golpes de facão nos pulmões e no fígado, a sua companheira Angélica Nascimento da Silva, de 25 anos. O crime aconteceu no último sábado (10), por volta das 21 horas, na residência do casal, no Conjunto Residencial Jefferson da Silva, em César de Souza, em Mogi das Cruzes.

Os policiais contaram que foram ao local assim que receberam a chamada e encontraram o acusado sentado na calçada com o facão que ele usou para desferir os golpes na companheira. Ele foi detido e apresentado na Central de Polícia Judiciária, em Mogi das Cruzes, autuado em flagrante e escoltado à Cadeia de Mogi.

Durante audiência de custódia que aconteceu nesta segunda-feira (12), o auto de prisão em flagrante do ajudante se converteu em prisão preventiva, e ele foi encaminhado ao Centro de Detenção Provisória, no bairro do Taboão.

Segundo informações publicadas no site Polícia em QAP, a vizinha do casal contou que Wesley não aceitava a decisão da companheira de querer se separar dele. A jovem que mora próxima ao casal disse que Angélica estava com medo e que a situação se agravou depois do rompimento da união do casal, mas o ajudante se negou a sair.

A vizinha contou que houve nova discussão e Angélica implorou novamente para o companheiro deixar a casa. Ela conta que ele saiu, e voltou bêbado, a arrastou a companheira para um quarto e a atacou com o facão. A amiga pediu ajuda para rapazes do bairro, que conseguiram intervir e evitar o assassinato.

ÚLTIMAS DE Polícia