MENU
BUSCAR
POLÍCIA

Veja outros crimes que aconteceram no Pico do Urubu

Na segunda-feira, após sequestro-relâmpago ocorrido neste ponto turístico, o policial Felipe Murakami Silva foi morto com um tiro na cabeça

O Diário Publicado em 05/01/2021 às 15:21Atualizado em 06/01/2021 às 08:48
PMMC / Divulgação
PMMC / Divulgação

Na segunda-feira (40), o tenente Felipe Murakami Silva e a namorada dele foram vítimas de um sequestro-relâmpago, também no Pico do Urubu. Eles foram levados para Itaquaquecetuba e, após uma luta corporal, o policial que estava de folga e atua em Guarulhos, foi morto com um tiro na cabeça. 

O 1º Tenente estava há sete anos na Polícia Militar, deixa os pais, um filho pequeno e namorada. O velório será realizado às 13h30 desta quarta-feira (6), no Jardim Rincão, em Arujá. Já o sepultamento está marcado para às 17h30.

Nas redes sociais, parte da população tem cobrado maior atenção ao ponto turistico. Reclamam também de aglomerações e do lixo largado no local pelos próprios visitantes. O espaço de apoio ao turista, recém-inaugurado ao lado do novo mirante, que foi vandalizado no final de 2020 e teve janelas quebradas, segue esperando reparos.

Outros furtos ocorreram no ponto turístico mogiano, desde outubro do ano passado. Relembre os casos:

Em 22 de outubro foi registrado o primeiro da série de três roubos de veículos na região do Pico do Urubu.

No primeiro dos crimes, o veículo foi roubado de um grupo de moradores de Arujá, que desciam a estrada Cruz do Século.

Segundo a Polícia, por volta das 22 horas, seis pessoas simularam estarem armadas e jogaram uma pedra no veículo das vítimas que, ameaçadas, entregaram o carro.

A Polícia Militar conseguiu localizar o veículo em uma mata próximo a Avenida das Orquídeas.

O segundo caso foi de um tecnólogo que ficou sem a moto que conduzia. Também diante de ameaça, ele foi abordado por dois homens, que levaram o veículo.

No dia 10 de novembro, quatro jovens foram roubados no local. De acordo com relatos feitos à Polícia, os jovens também estavam descendo na Estrada da Cruz do Século, no final da noite. Com idades entre 23 e 28 anos, eles afirmaram na delegacia que foram abordados por duas pessoas armadas. Os homens os ameaçaram e levaram, além do carro, carteiras, cartões, celulares e até anel.. O caso foi registrado como roubo consumado, na Central de Flagrantes de Mogi. 

ÚLTIMAS DE Notícias