ATUALIZAÇÃO

Mogi das Cruzes deverá permanecer na fase amarela do Plano São Paulo até 9 de outubro

ATENDIMENTO Capacidade hospitalar da região apresenta taxa de ocupação de 52,3% dos leitos de UTI; Covid-19. (Foto: divulgação)
ATENDIMENTO Capacidade hospitalar da região apresenta taxa de ocupação de 52,3% dos leitos de UTI; Covid-19. (Foto: divulgação)

A Subdivisão Leste, que agrega os 10 municípios do Alto Tietê e Guarulhos, deve permanecer na fase (3) amarela do Plano São Paulo até o dia 9 de outubro. Em atualização extraordinária nesta sexta-feira, 11, o Governo do Estado comunicou que as reclassificações do programa de retomada econômica – antes semanais – ocorrerão mensalmente. Apesar do “balde de água fria”, a região conservou queda nas estatísticas atreladas ao avanço da pandemia e atendia seis dos sete indicadores que norteiam as classificações do plano necessários para evoluir à etapa verde.

A proporção de óbitos por habitantes ainda é o único com desempenho insatisfatório, de nível amarelo. O Alto Tietê registra média de 5,1 mortes para cada 100 mil habitantes, enquanto o necessário para a fase verde é 5,0. Os dados atestam queda, já que há 14 dias o número era de 6,4.

De acordo com a atualização divulgada nesta sexta-feira, a capacidade hospitalar da região apresenta taxa de ocupação de 52,3 de leitos de UTI/Covid, com oferta de 13,2 leitos para cada 100 mil habitantes. Já nos indicadores de evolução da epidemia, a região registra variação de 0,72 em novos casos; de 0,74 em internações; e de 0,74 em óbitos. Nas internações por 100 mil habitantes, a variação é de 26,8.

O Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) destaca que pelas regras vigentes para avançar à fase verde, a taxa de ocupação de leitos de UTI deve ser inferior a 75 e a disponibilidade de leitos superior a 5. Nos indicadores de evolução da epidemia, os casos, óbitos e internações precisam ter variação inferior a 1,0. Além disso, as internações por 100 mil habitantes ficar menores de 40 e, os óbitos, abaixo de 5,0. Na fase verde, os setores que já estão ativos podem ter capacidade de atendimento ampliada para 60% (hoje é 40%).

É provável que ocorram alterações nos indicadores até a próxima atualização.

No amarelo

Todas as regiões do Estado foram reclassificadas para a fase amarela, que permite atendimento presencial em bares, restaurantes, salões de beleza, academias, shoppings, comércios de rua, escritórios e concessionárias.

Apesar da alteração no período de medição do Plano, o Governo do Estado poderá decretar regressão para a fase vermelha de qualquer região, a qualquer momento, em caso de piora significativa das taxas de contaminação por coronavírus ou redução da capacidade hospitalar.

“Não haverá retorno para a fase laranja, o que aumenta a responsabilidade de prefeitos, secretários municipais de saúde e da própria população, que precisa se resguardar e se proteger, obrigatoriamente usar máscara ao sair de casa, seguir o distanciamento social de 1,5 metro, lavar as mãos e usar álcool em gel”, destacou o governador João Doria (PSDB).

Balanço

O Alto Tietê notificou nesta sexta-feira, mais 13 óbitos atrelados à Covid-19 referentes a moradores de Mogi (4) Ferraz (4), Biritiba Mirim (2) Arujá (1) e Poá (1). O total de vítimas salta para 1.277. Mais 94 residentes nos municípios testaram positivo. O número de contágios registrados chega a 23.964. Do montante, 17.123 são referentes a pacientes recuperados.

Morte

O ex-vereador de Suzano, Israel Sampaio de Lacerda, 77 anos, morreu nesta sexta-feira (11) no Hospital Municipal de Braz Cubas, vítima da Covid-19. O corpo será cremado no Cemitério da Vila Alpina, na Capital, mas até a tarde desta sexta-feira o horário não havia sido definido. Lacerda foi vereador de 1989 a 1992, de 1993 a 1996 e de 1997 a 2000 (suplente). Ele deixa a esposa, Aracy, filhos e netos.


Deixe seu comentário