VIOLÊNCIA

Homem é preso por ameaçar matar a mãe

Nervoso porque não conseguia dormir, o ajudante Luciano Guilherme Maximiano de Oliveira, de 30 anos, ofendeu e ameaçou matar a golpes de barra de ferro a mãe dele, a dona de casa Kátia de Oliveira, de 47 anos, na noite da última segunda-feira.

O crime foi cometido na residência de Kátia, na rua Conceta Maria Ruta, no Conjunto Residencial da Vila da Prata. Ele foi capturado pelo cabo PM Robson dos Santos e o policial Cléber Anízio.

A equipe o escoltou ao Distrito Central, onde ele alegou que “as crianças em casa (sobrinhos) não me deixavam dormir por causa da bagunça”.

O delegado Paulo Henrique Sinatura confirmou que, em desfavor de Luciano, já havia mandado da Justiça que o proíbe de chegar a menos de 100 metros de sua mãe, a pedido de Kátia, por sofrer agressão anterior.

Ele foi autuado em flagrante por descumprir medida protetiva, injúria e violência doméstica, sendo removido à Cadeia local.

Traficante agressor

O vendedor Michael Douglas Monteiro Ferreira, 24 anos, além de plantar maconha em cinco vasos, na casa dele, na avenida Iugoslávia, em Jundiapeba, resolveu agredir a companheira Beatriz Nazareth Rafael, 24 anos. A Polícia Militar deteve o acusado, que foi autuado em flagrante por violência doméstica e tráfico de drogas. Beatriz disse que teve de morder Michael para se defender.


Deixe seu comentário