Entrar
Perfil
DENÚNCIA

Ministério Público da Espanha pede prisão preventiva sem fiança de Daniel Alves

Jogaodor teria agredido sexualmente uma mulher em uma discoteca no dia 30 de dezembro do ano passado

Agência O Globo
20/01/2023 às 14:04.
Atualizado em 20/01/2023 às 14:04

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
DENÚNCIA

Ministério Público da Espanha pede prisão preventiva sem fiança de Daniel Alves

Jogaodor teria agredido sexualmente uma mulher em uma discoteca no dia 30 de dezembro do ano passado

Agência O Globo
20/01/2023 às 14:04.
Atualizado em 20/01/2023 às 14:04

O Ministério Público da Espanha pediu a prisão preventiva e sem fiança do lateral-direito Daniel Alves, de 39 anos, acusado de agressão sexual, de acordo com os veículos do país. O jogador foi detido em Barcelona ao se apresentar para depoimento e aguarda decisão da juíza Maria Concepción Canton Martín, do Juizado de Instrução 15 da cidade, onde o caso é investigado.

O brasileiro estava no México e retornou nesta semana à capital da Catalunha para testemunhar espontaneamente. Ele foi à delegacia na madrugada desta sexta-feira e saiu em uma viatura poucos minutos depois das 10h. O atleta nega as acusações.

Entenda o caso

A noite do suposto caso de assédio

De acordo com a vítima, que teve a identidade preservada, ela dançava em uma boate com amigos quando Daniel Alves a tocou por baixo de sua roupa íntima sem consentimento.

A mulher disse que relatou aos amigos o que havia ocorrido e procurou a equipe de segurança do estabelecimento, que iniciou o protocolo para casos de agressão sexual.

A polícia foi chamada ao local, mas ao chegar lá o jogador já havia ido embora.

Após a denúncia

Dias mais tarde, em 2 de janeiro de 2023, a vítima foi até a polícia catalã para registrar queixa por assédio sexual. Desde então, ela está recebendo apoio por parte do departamento encarregado desse tipo de crime, e a denúncia está judicializada e em fase de investigação, conforme explica o Tribunal Superior de Justiça da Catalunha (TSJC).

O lateral retornou ao México, onde se reapresentou ao Pumas e já entrou em campo na temporada de 2023.

A defesa do jogador

Daniel Alves nega as acusações.

— Gostaria de negar tudo. Sim, eu estava naquele lugar, com mais gente, curtindo. E quem me conhece sabe que eu amo dançar. Eu estava dançando e curtindo sem invadir o espaço dos outros. Eu não sei quem é essa senhora. Nunca invadi um espaço. Como vou fazer isso com uma mulher ou uma menina? Não, por Deus — disse o lateral ao programa espanhol Y ahora Sonsoles. — Já chega (com o assunto), porque estão sofrendo, principalmente o meu povo.

Depoimento e detenção

O brasileiro, que estava no México, retornou nesta semana à capital da Catalunha para testemunhar espontaneamente nesta sexta-feira.

Segundo o El País, ele foi detido após prestar depoimento e saiu em uma viatura da polícia.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2023É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por