MENU
BUSCAR
FUTEBOL

Com Felipe, de Mogi, seleção brasileira faz último treino

Com várias orientações, a comissão técnica fez o chamado treino invisível, que projeta situações de jogo e possíveis posicionamentos táticos do adversário

Fábio Palodette e Agência EstadoPublicado em 02/06/2021 às 15:56Atualizado há 12 dias
Foto: divulgação / Twitter
Foto: divulgação / Twitter

A seleção brasileira fez nesta quarta-feira (2) o seu último treino na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), antes de viajar para Porto Alegre, onde encara o Equador nesta sexta, no estádio Beira-Rio, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022, que será no Catar. O técnico Tite comandou um treinamento completamente voltado para o duelo com os equatorianos.

Depois do aquecimento, que contou com pequenas rodas de bobinho, o treinador separou o elenco em dois. Com várias orientações, a comissão técnica fez o chamado treino invisível, que projeta situações de jogo e possíveis posicionamentos táticos do adversário. Um dos times foi comandado por Tite no campo 1, enquanto que outra equipe trabalhou sob comando dos auxiliares técnicos no campo 2.

O segundo exercício do dia foi o chamado "enfrentamento", que usa os jogadores em espaço reduzido em um duelo de 10 contra 9. No time de azul, que atacava com superioridade numérica, estavam: Danilo, Marquinhos, Eder Militão, Alex Sandro, Casemiro, Fred, Lucas Paquetá, Richarlison e Neymar. Os atacantes Gabriel Jesus e Gabriel Barbosa se alternaram no ataque do time azul, com constantes trocas de posição entre os homens de frente.

No time de amarelo, que se defendia, estavam o zagueiro Felipe - de Mogi das Cruzes -, Alisson, Emerson, Rodrigo Caio, Renan Lodi, Fabinho, Douglas Luiz, Roberto Firmino, Vinicius Junior e Everton. Após essa atividade, o time ajustou detalhes de bola parada ofensiva para o jogo.

Everton Ribeiro, outro meia à disposição de Tite, não apareceu no gramado nesta quarta-feira. Ele se queixou de dores no músculo posterior da coxa direita, mas exame de ressonância magnética não apontou nenhuma lesão no jogador. O jogador do Flamengo realiza sessões de fisioterapia e, segundo a CBF, o quadro dele "evolui bem".

"O jogador Everton Ribeiro apresentou-se no dia seguinte ao jogo de estreia de seu clube pelo Campeonato Brasileiro e queixou-se de dores no músculo posterior da coxa direita. Ele foi submetido a ressonância magnética que não apontou lesão. Durante esses dias concentrado, Everton Ribeiro não realizou nenhum treinamento em campo e continua seu processo de recuperação junto a fisioterapia até a melhora da dor. O quadro evolui bem e continuará sob observação", informou a CBF.

Tite vem comandando treinamentos desde a última sexta-feira na Granja Comary, de olho nos confrontos pelas Eliminatórias contra o Equador e o Paraguai, na próxima terça, em Assunção. O time também trabalha já de olho na Copa América, que será realizada no Brasil a partir do próximo dia 13.

ÚLTIMAS DE Esportes