Neste primeiro semestre, a unidade provisória do Serviço Social do Comércio (Sesc) deve iniciar atividades em Mogi das Cruzes. Em instalação na área do antigo Centro Esportivo do Socorro, que está cercada por tapumes para execução dos trabalhos, o novo centro de esportes, lazer e cultura entra em nova fase de obras.

A intensa movimentação de homens e maquinários trabalhando na área chama atenção de quem passa pela área. Para viabilizar os serviços, foi necessária a interdição de uma das faixas da avenida Vereador Narciso Yague Guimarães, no sentido bairro-centro.

Atualmente, são realizadas a execução de tapume na divisa do terreno, da mureta de divisa para instalação do gradil, do piso de concreto das quadras poliesportivas e do novo calçamento externo. Os trabalhos também se concentram na revisão das instalações hidráulicas e elétricas e na manutenção e limpeza da cobertura das edificações.

Segundo o diretor do Sesc--SP, Danilo Santos de Miranda, em entrevista recente a O Diário, a unidade, ainda que provisória, será um divisor de águas no município e promete grande impacto nas áreas cultural, esportiva, educacional, de lazer, recreação e cidadania.

Com proposta interativa de reunir as atividades em um único espaço para atender a população do Alto Tietê, o projeto definitivo do Sesc tem prazo para ser entregue à Prefeitura Municipal até 2024.

Miranda diz que a instalação da unidade ocorrerá em fases. “Primeiro será a ocupação inicial, depois a instalação provisória e, em um terceiro momento, o projeto de implantação definitiva da unidade”, detalha.