Entrar
Perfil
CINEMA INDEPENDENTE

Filme de Mogi, 'Nunca Estarei Lá' é atração na TV RTP, de Portugal

Além da exibição no canal da televisão aberta portuguesa nesta quinta (8), o curta-metragem participa de vários festivais e está disponível gratuitamente até sexta (9) pela Semana Paulistana do Curta-metragem 2022

Heitor Herruso
07/12/2022 às 16:20.
Atualizado em 07/12/2022 às 22:26

Filme retrata a relação com tecnologia e a mudança na forma de comunicação entre as pessoas; a igualdade racial e de gênero; e também as incertezas e o ódio gratuito permeados pelo período eleitoral de 2018 (Divulgação)

Ele fez de novo. Mogiano, o diretor de cinema Rodrigo Campos, que levou o filme ‘Serráqueos’ para a tela da TV Diário, agora exibe o curta-metragem ‘Nunca Estarei Lá' em um canal da televisão aberta de Portugal, a RTP. Será nesta quinta-feira (8), no programa Cinemax, apresentado pelo crítico português Tiago Alves.

Além dessa conquista, a produção tem recebido destaque no circuito de festivais. Recentemente, O Diário mostrou que o filme chegou ao Lobo Festival Internacional de FIlmes, em Brasília e ao Transforma, Festival de Cinema da Diversidade de Santa Catarina. Nesta mesma reportagem, antecipou que em dezembro, chegaria ao FESTin, ou 13º Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa, que será realizado em Lisboa. E dezembro já chegou: a exibição está marcada para esta sexta-feira (9).

E não para por aí. ‘Nunca Estarei Lá’ também pode ser assistindo online e gratuitamente até esta mesma sexta-feira pela Semana Paulistana do Curta-metragem 2022, na plataforma online CCSPLAY. Para ver, basta clicar aqui: www.ccsplay.com.br/nunca-estarei-la. Por esta agenda, concorre a premiação, assim como pelo festival Satyricine, do Cine Satyros Bijou, de São Paulo, que acontece neste final de semana, com encerramento no domingo (11).

Para Rodrigo Campos, tudo isso é motivo de orgulho. “O curta continua em evolução”, resume ele, que divulga, ainda, mais um evento. “Fomos selecionados para um festival grande, focado na questão da diversidade de questões sociais, no Rio De Janeiro, em São Gonçalo, no Cine Tamoio”.

A acolhida neste circuito é possível pois a produção mogiana, que foi gravada em São Paulo, retrata a relação com tecnologia e a mudança na forma de comunicação entre as pessoas; a igualdade racial e de gênero; e também as incertezas e o ódio gratuito permeados pelo período eleitoral de 2018. Clique aqui para ler mais.

 Orgulho

Sem dúvidas, até aqui a cereja do bolo do pacote pós-lançamento de 'Nunca Estarei Lá' é a exibição no canal português RTP, em um programa “focado em curtas-metragens, que fala sobre lançamentos, festivais e cinema universitário, com entrevistas e exibições”.

“É muito relevante. Imagina... passar um filme na TV aberta portuguesa, para o país inteiro. Acho que nunca algum cineasta da região exibiu um curta lá. E devem ser bem poucos, inclusive, os filmes brasileiros que passaram no canal”, conclui um sorridente Rodrigo Campos.

O cineasta já deu entrevista ao podcast Plugado, de O Diário, apresentado por Filipe Almeida. Assista: https://www.youtube.com/watch?v=oyAwYJT82Xk.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2023É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por