MENU
BUSCAR
'AINDA SOMOS OS MESMOS?'

Em Mogi, espetáculo literário e beneficente usa poesias para se conectar com o público

Palco do Teatro Vasques receberá a literatura e reflexão de 'Ainda Somos os Mesmos?' próxima quinta-feira (14); os ingressos podem ser trocados por roupas que serão repassadas ao Instituto Léa Campos

Heitor HerrusoPublicado em 10/10/2021 às 16:53Atualizado há 17 dias
Divulgação - Carla Pozo
Divulgação - Carla Pozo

Com quatro intérpretes e uma bailarina, o espetáculo literário e beneficente ‘Ainda Somos os Mesmos?’ promete, na próxima quinta-feira (14), dar voz ao público mogiano. Às 20 horas, no palco do Teatro Vasques, serão apresentados poemas de autores consagrados e também de escritores mogianos, com um toque teatral e filosófico.

“Uma leitura além do papel, uma leitura de mundo, uma leitura de nós”, definem os organizadores. "Cenas que trazem o universo separado de cada um e como estamos unidos por sentimentos e ações”, continuam eles.

O convite é para a reflexão a partir de “uma gostosa conexão onde deixamos de ter a divisão palco e plateia e o público ganha voz para sermos todos uma grande trupe”.

Já o objetivo é fazer com que "as pessoas conheçam escritores e artistas da região, junto a autores consagrados, valorizando o fazer artístico, a arte e a literatura como ferramenta de reflexão e aprendizado", além de "resgatar a cultura de recitar poesias, formar público e despertar o gosto pela leitura".

Além da participação de Carla Pozo, Bianca Ortiz, Cadu Damian, Beatriz Pozo, Rodolfo Leal, Janaina Ferreira e Rodrigo Fernandez, a apresentação conta com a presença dos convidados poetas e artistas Raimundo Alves, Marcos Villas, João do Espírito Santos, Dany Borges, Nilza Gomes, Margarete Brito e Du Ramsés.

 Beneficente

Os ingressos para ‘Ainda Somos os Mesmos?’ serão trocados por roupas que serão repassadas ao Instituto Léa Campos. Organização sem fins lucrativos que atua desde 2018 com a finalidade de promover o desenvolvimento local através da educação criativa, o instituto tem a missão de “atuar junto as comunidades, desenvolvendo programas educacionais, utilizando a cultura como ferramenta de cidadania para transformar a vida”.

É justamente o empreendedorismo social que garante a sustentabilidade dos programas sociais realizados. Quem quiser saber mais pode conversar os voluntários pelo Instagram nos perfis @institutoleacampos e @bazarilc.

O endereço para a troca de convites é Avenida São Paulo, 75. Já o Teatro Vasques fica na rua Dr. Corrêa, 515, no Centro de Mogi. Mais informações e reservas pelo WhatsApp do Instituto Léa Campos: 4724-2432.

ÚLTIMAS DE Cultura