A Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes anunciou no início da tarde desta quarta-feira (13) o desligamento do recém-anunciado secretário adjunto de Esporte e Lazer, Reinaldo Barreiros. Segundo nota enviada pela Administração Municipal, ele teria comunicado o desligamento do governo na noite de ontem (12).

Pouco depois de ser anunciado para o cargo, fotos de Barreiros segurando um taco de basebol e até mesmo armas passaram a circular em diferentes páginas das redes sociais. Um vídeo mostrava ainda ele fazendo comentários antidemocracia. Segundo uma reportagem do UOL, o nome dele aparece entre os 12 denunciados pelo esquema de rachadinha no Núcleo de Avaliação Estratégica (NAE) da Alesp.

Quando tudo isso veio à tona, as manifestações contra a manutenção de Barreiros no cargo começaram a surgir nas redes sociais. Ainda assim, o prefeito Caio Cunha (PODE) optou por mantê-lo como secretário adjunto

Ontem, a Frente Popular pela Cultura publicou uma carta de repúdio à nomeação de Barreiros. Na noite desta terça-feira (12), em uma transmissão ao vivo, o prefeito chegou a dizer que a situação estava em análise jurídica e que uma decisão seria tomada hoje.