Entrar
Perfil
SAÚDE

Prevenção à dengue amplia visitas a casas e unidades de saúde em Mogi

O mosquito Aedes aegypti transmite doenças graves como dengue, chikungunya e zika,

O Diário
24/11/2022 às 10:35.
Atualizado em 24/11/2022 às 10:36

Técnicos vão às casas e unidades de saúde em ação que previne a dengue (Imagem: Divulgação)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
SAÚDE

Prevenção à dengue amplia visitas a casas e unidades de saúde em Mogi

O mosquito Aedes aegypti transmite doenças graves como dengue, chikungunya e zika,

O Diário
24/11/2022 às 10:35.
Atualizado em 24/11/2022 às 10:36

Técnicos vão às casas e unidades de saúde em ação que previne a dengue (Imagem: Divulgação)

Técnicos da Secretaria Municipal de Saúde intensificam as ações de prevenção à proliferação do mosquito Aedes aegypti no período de calor e chuvas intensas, condição favorável para infestações e propagação da dengue.A cidade, que registrou 97 casos da doença neste ano, participa da Semana Estadual de Mobilização das Arboviroses, que termina na sexta-feira (25). Visitas estão sendo feitas a casa dos mogianos. 

Os mogianos podem ajudar nesse combate com a adoção de cuidados em casa e no trabalho devem fazer parte da rotina de todos, com cuidados permanentes como remover pratos de plantas, cuidar de piscinas, manter caixas d’água muito bem fechadas e eliminar todos os recipientes ou situações que permitam o acúmulo de água parada.

As orientações são reforçadas nas visitas casa a casa e salas de espera das unidades de Saúde.

O Aedes aegypti transmite doenças graves como dengue, chikungunya e zika, podendo se reproduzir em qualquer situação que permita o acúmulo de água parada.

Os últimos levantamentos realizados na cidade mostraram que o principal problema continua sendo recipientes móveis, ou seja, todo tipo de material que deveria ser removido dos imóveis. 

A dengue é uma doença causada por vírus transmitido de uma pessoa doente para uma pessoa sadia por meio da picada do mosquito Aedes aegypti. Neste ano, até o momento, Mogi das Cruzes registrou 97 casos da doença.

Quem tiver alguma dúvida sobre os cuidados que precisam ser tomados pode entrar em contato com o Núcleo de Controle de Arboviroses no telefone 4794-4343. Já as denúncias devem ser registradas na Ouvidoria da Saúde pelo telefone 162.

Confira algumas dicas:
- Acabe com a água parada: verificando vasos, garrafas, potes e outros recipientes ou situações que possam acumular água
-Aplique cloro em pias e ralos
- Mantenha caixa d’água fechada e piscina tratada regulamente
- Guarde pneus em locais cobertos
- Feche bem os sacos de lixo e de materiais para reciclagem
- Mantenha as calhas limpas

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por