Entrar
Perfil
RESÍDUOS CONSTRUÇÃO CIVIL

Prefeituras do Alto Tietê iniciam ação para combater os lixões

Iniciativa começou por vistoria na Estrada dos Fernandes, em Suzano: meta é reduzir descarte irregular de resíduos da construção civil que, na região, somam 5 mil toneladas por dia

O Diário
22/05/2022 às 12:23.
Atualizado em 22/05/2022 às 12:27

Fiscalização a depósitos irregulares de resíduos da construção civil é prometida por prefeituras do Alto Tietê (Divulgação/Condemat/Wanderley Costa)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
RESÍDUOS CONSTRUÇÃO CIVIL

Prefeituras do Alto Tietê iniciam ação para combater os lixões

Iniciativa começou por vistoria na Estrada dos Fernandes, em Suzano: meta é reduzir descarte irregular de resíduos da construção civil que, na região, somam 5 mil toneladas por dia

O Diário
22/05/2022 às 12:23.
Atualizado em 22/05/2022 às 12:27

Fiscalização a depósitos irregulares de resíduos da construção civil é prometida por prefeituras do Alto Tietê (Divulgação/Condemat/Wanderley Costa)

Técnicos das áreas de Fiscalização e Meio Ambiente dos municípios de Ferraz de Vasconcelos, Poá e Suzano, que integram o projeto-piloto de combate ao descarte irregular de resíduos da construção civil,realizaram uma vistoria na Estrada dos Fernandes..

A medida resulta de parceria entre o Consórcio de Desenvolvimento de Municípios do Alto Tietê (Condemat) e a Secretária de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado.

A fiscalização contou com o suporte de agentes da Polícia Militar Ambiental, da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) e da Coordenadoria de Fiscalização e Biodiversidade da SIMA.

O projeto-piloto, informa o Condemat, foi lançado em junho de 2021, e teve início com a capacitação das equipes técnicas dos municípios em monitoramento remoto com o uso de imagens de satélite, além da elaboração da minuta do Plano de Monitoramento e Fiscalização Integrada.

O objetivo do projeto é estabelecer uma efetiva de fiscalização ambiental integrada entre as instâncias governamentais estadual e municipal, com foco na minimização dos impactos decorrentes dessa prática irregular.

“Este piloto está sendo executado em uma área bastante complexa e desafiadora e que servirá de ponto de partida para outras áreas e para futuramente ampliarmos para os demais municípios buscando soluções integradas”, disse a secretária de Meio Ambiente de Poá e membro da Câmara Técnica de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, Claudete Canada.

De acordo com dados da SIMA, os 12 municípios do CONDEMAT geram em torno de 5 mil toneladas de resíduos da construção civil por dia.

  

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por