Entrar
Perfil
FISCALIZAÇÃO

Ipem vai fiscalizar radares da rodovia Mogi-Bertioga

Nesta quarta-feira (23) serã0 verificados os radares localizados no início da Mogi-Bertioga, altura do bairro de Vila Moraes.

O Diário
22/06/2021 às 12:02.
Atualizado em 22/06/2021 às 12:05

Mogi-Bertioga terá operação especial para atender à demanda maior de veículos durante o feriado. (Eisner Soares)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
FISCALIZAÇÃO

Ipem vai fiscalizar radares da rodovia Mogi-Bertioga

Nesta quarta-feira (23) serã0 verificados os radares localizados no início da Mogi-Bertioga, altura do bairro de Vila Moraes.

O Diário
22/06/2021 às 12:02.
Atualizado em 22/06/2021 às 12:05

Mogi-Bertioga terá operação especial para atender à demanda maior de veículos durante o feriado. (Eisner Soares)

O Ipem-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo), autarquia do Governo do Estado, vinculada à Secretaria da Justiça, e órgão delegado do Inmetro, fará verificação metrológica na próxima quarta-feira, 23 de junho, a partir das 10h, nos radares localizados na rodovia Dom Paulo Rolim Loureiro, a Mogi-Bertioga (SP-98), no km 056, km 058 e km 059, na altura do bairro de Vila Moraes, em Mogi das Cruzes, localizada a 43 km da Capital. 

Diariamente, o Ipem-SP realiza a verificação metrológica dos radares, instrumentos utilizados para medir e registrar velocidade destinados ao monitoramento do trânsito, em todo o Estado de São Paulo. Conforme a Portaria Inmetro 544/2014, é obrigatória a verificação metrológica uma vez por ano ou toda vez que o equipamento passar por reparo.     

A verificação metrológica no radar leva de 20 minutos até uma hora. A ação envolve os fiscais do Ipem-SP e a equipe da empresa responsável pelo instrumento.   

Em caso de chuva, a verificação é cancelada. O cancelamento também pode ocorrer poucas horas antes do agendado, conforme solicitação dos agentes de trânsito ou empresa responsável pelo equipamento.    

Caso o equipamento seja aprovado, recebe um certificado válido por um ano. Quando há reprovação a empresa fabricante é notificada a corrigir o erro.    

Em caso de excesso de velocidade, para aplicação de multas, o equipamento precisa estar verificado pelo Ipem-SP. A ação será realizada pela equipe de fiscalização da regional do instituto da zona norte da capital.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por