Entrar
Perfil
VICINAIS

Estrada do Taboão começa a receber as obras de recuperação em toda extensão

Serviços melhorias devem oferecer uma maior segurança a motoristas, pedestres e beneficiar as empresas instaladas no Taboão. O prazo estimado para as obras é de 12 meses e o investimento será de R$ 16 milhões

O Diário
26/11/2021 às 17:37.
Atualizado em 26/11/2021 às 17:41

Serviços de medição já começaram a ser realizados na estrada (Divulgação/PMMC)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
VICINAIS

Estrada do Taboão começa a receber as obras de recuperação em toda extensão

Serviços melhorias devem oferecer uma maior segurança a motoristas, pedestres e beneficiar as empresas instaladas no Taboão. O prazo estimado para as obras é de 12 meses e o investimento será de R$ 16 milhões

O Diário
26/11/2021 às 17:37.
Atualizado em 26/11/2021 às 17:41

Serviços de medição já começaram a ser realizados na estrada (Divulgação/PMMC)

As obras de recuperação em toda a extensão da estrada do Taboão começaram a ser realizados nesta semana pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), dentro do programa Novas Estradas Vicinais, do Governo do Estado. As melhorias devem oferecer uma maior segurança a motoristas, pedestres e beneficiar as empresas instaladas no Taboão. O prazo estimado para as obras é de 12 meses e o investimento será de R$ 16.742.503,87.

Os detalhes para o início das intervenções foram definidos após reunião no início da semana, com representantes da Prefeitura de Mogi das Cruzes e do órgão estadual. A empresa responsável pelas obras já começou a realizar as medições necessárias e serviços preparatórios no local, como os de limpeza.

O plano de trabalho prevê a execução das obras de melhorias nos 20 quilômetros da estrada do Taboão, entre o encontro com a rodovia Mogi-Dutra e o município de Santa Isabel. A via receberá serviços de recuperação funcional, que compreende recapeamento, reparos na estrutura, restauração do sistema de drenagem e melhorias na sinalização.

O prefeito Caio Cunha explica que “esta obra na estrada do Taboão, além de oferecer mais segurança para quem transita pela via, é muito importante para o desenvolvimento de Mogi das Cruzes, já que facilitará todo o sistema de logística das empresas que estão instaladas no Distrito Industrial. É uma grande conquista para a cidade, juntamente a outros investimentos na região”.

Agestab

O acesso do Taboão é importante para o recebimento de matérias-primas e para o escoamento da produção das empresas localizadas no Distrito Industrial. A obra também deve ter influência positiva na atração de novos investimentos para Mogi das Cruzes, uma vez que o local é a principal área da Grande São Paulo para receber grandes indústrias e empresas.

As obras na Estrada do Taboão, na avaliação da Associação Gestora do Distrito Industrial do Taboão (Agestab) são extremamente necessárias e uma reinvindicação antiga da entidade, já que a melhorias vão oferecer uma maior segurança a motoristas e pedestres e, consequentemente, beneficiar as empresas instaladas no Taboão.

O Distrito Industrial, como destaca a Associação, tem um grande potencial de geração de empregos e arrecadação de impostos, porém, precisa receber os devidos investimentos em infraestrutura.

Porém, apesar de destacar a importância do início das intervenções, em nota, a entidades diz que “se a aguardada melhoria na Estrada do Taboão é motivo de comemoração, a Agestab volta a se frustrar com as últimas notícias sobre a pavimentação e a urbanização das estradas municipais Yoneji Nakamura e Mauro Auricchio”.

O processo de contratação da empresa responsável pelo projeto foi suspenso, como observa a entidade, devido a um questionamento de uma das concorrentes. O anúncio da companhia vencedora do certame ocorreria em 4 de novembro.

“Com isso, a Prefeitura de Mogi das Cruzes terá que revisar o procedimento, validar o processo novamente com o DER e, somente então, republicar o edital. Haverá um atraso significativo no início dos trabalhos, previstos, até então, para janeiro de 2022”, reforça.

Sobre essa obra, a Prefeitura esclarece que a região do Taboão também receberá melhorias nas estradas Yoneji Nakamura e Mauro Auriccio, com serviços de pavimentação e drenagem, e que o Município e o DER já celebraram um convênio para as obras. Informa ainda que administração municipal fez a revisão dos projetos e abriu licitação, mas o departamento estadual solicitou novos ajustes, o que levou a suspensão do certame para estas adequações.

O investimento nos serviços das estradas Yoneji Nakamura e Mauro Auriccio é de R$ 12.809.150,52.

Volta Fria

O programa Novas Estradas Vicinais também prevê para Mogi das Cruzes as obras de recuperação e pavimentação da estrada da Volta Fria, nos 11,66 quilômetros entre a Via Perimetral e o distrito de Jundiapeba. Os trabalhos deverão ser iniciados em breve.

Neste momento, a Prefeitura explica que as intervenções vão se concentrar na melhoria das condições de trafegabilidade da estrada, que é de terra. Com a pavimentação, a estrada da Volta Fria deverá se tornar uma nova opção de ligação para as pessoas que trafegam entre a região central e o distrito de Jundiapeba. Além disso, o investimento também busca a melhoria da qualidade de vida da população da região da Volta Fria, que sofre com dificuldades de mobilidade urbana devido às condições da via, principalmente em períodos de chuva.

O projeto para a via também prevê a construção de uma nova ponte sobre o rio Tietê. A estrutura substituirá a atual, que é de madeira e permite apenas a passagem de um veículo por vez. Para esta obra, a previsão é de contratação de projeto executivo neste ano e início de obras para 2022.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por