Entrar
Perfil
MOGI DAS CRUZES

CPTM vai fechar a passagem de nível no Centro de Mogi dia 1º de julho

Anuncio foi feito em reunião com o prefeito Caio Cunha; estatal afirma que dará apoio logístico à Prefeitura na busca de solução para o problema

O Diário
07/01/2022 às 14:08.
Atualizado em 07/01/2022 às 16:29

Aviso de fechamento da passagem da Dr. Deodato pegou comerciantes de surpresa (Foto: Eisner Soares)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
MOGI DAS CRUZES

CPTM vai fechar a passagem de nível no Centro de Mogi dia 1º de julho

Anuncio foi feito em reunião com o prefeito Caio Cunha; estatal afirma que dará apoio logístico à Prefeitura na busca de solução para o problema

O Diário
07/01/2022 às 14:08.
Atualizado em 07/01/2022 às 16:29

Aviso de fechamento da passagem da Dr. Deodato pegou comerciantes de surpresa (Foto: Eisner Soares)

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM)  postergou o fechamento da passagem de nível para travessia de pedestres na rua Dr Deodato Wertheimer, próxima à Estação Mogi das Cruzes, na Linha 11-Coral.  Inicialmente prevista para o início deste mês. Acaba de ser anunciado que a passagem será fechada apenas em 1° de julho próximo. 

O anúncio foi feito após reunião da CPTM com o prefeito Caio Cunha (PODE). O encontro contou com a participação de  presidente da CPTM, Pedro Moro, o prefeito de Mogi das Cruzes, Caio Cunha, o deputado estadual Rodrigo Gambale, e representantes da CPTM e do município.

Em nota encaminhada para O Diário, a CPTM informa que a medida é necessária para a redução do invervalo entre os trens entre Mogi e São Paulo.

Segundo nota da Prefeitura, durante a reunião, o prefeito voltou a cobrar os investimentos previstos nas reformas das estações da cidade. "No caso da região central, a obra vai melhorar a mobilidade urbana da população, já que o projeto a ser executado pela CPTM conta com ampliação da estrutura e uma nova passarela na própria estação Mogi das Cruzes", informa. 

O presidente da CPTM, Pedro Moro, informou que o edital para reforma das estações Mogi das Cruzes, Estudantes e Jundiapeba já foi publicado e que o pregão eletrônico será realizado em 20 de janeiro.

Questionada por este jornal, o orgão não afirma se contruira ou não uma passarela emergencial no local após o fechamento. Diz que dará auxílio à Prefeitura na logística.

O encerramento da passagem é fundamental para que a CPTM possa aumentar a velocidade de circulação dos trens e diminuir o intervalo médio entre composições no trecho entre Mogi das Cruzes e Guaianases dos atuais oito para sete minutos, beneficiando os mais de 680 mil passageiros de toda a Linha 11-Coral e dos municípios de Suzano, Poá, Ferraz de Vasconcelos e São Paulo, além dos passageiros do próprio município.

Na nota, a CPTM lembra que o fechamento está sendo negociado entre a companhia e a Prefeitura de Mogi das Cruzes há mais de três décadas. A permissão para a abertura das travessias em nível se deu através de instrumentos celebrados entre a CPTM, CBTU (empresa que operava o transporte de passageiros na região antes da criação da CPTM, em 1992) e a Prefeitura de Mogi das Cruzes e foram abertas a pedido do município, em caráter provisório, até que viadutos e túneis, cuja execução cabe ao município, estivessem prontas.

Tanto as intervenções necessárias para viabilizar as travessias em nível, quanto a mão de obra para operação das passagens, ficaram sob responsabilidade da Prefeitura de Mogi das Cruzes.

A Prefeitura informa ainda que realizará nos próximos dias diálogos constantes com os comerciantes do entorno para dar apoio a este processo.

A CPTM também se comprometeu a realizar adequações e melhorias nas calçadas no trecho entre a Dr. Deodato e a Praça Sacadura Cabral, para melhorar as condições de deslocamento dos pedestres.


Prazo maior para o fechamento - que pegou comerciantes de surpresa - era solicitado sob argumentos de que lojistas das proximidades precisavam de "mais tempo para se organizar". Confira relatos de comerciantes aqui

Liminar

O fechamento da passagem na região central de Mogi foi anunciado em 27 de dezembro de 2021. A data seria  2 de janeiro. O prazo apertado foi criticado. As primeiras notícias sobre o fechamento surgiram após moradores encontrarem aviso da CPTM na passagem. 

A Prefeitura de Mogi iniciou dialogo com representantes daquela região, entrou na Justiça e obteu liminar que permitia a abaertura por mais 60 dias. O executivo entrou com um pedido na Justiça de suspensão imediata do fechamento da passagem de nível da rua Dr. Deodato Wertheimer. O pedido de liminar foi parcialmente acatado.

Na ocasião o Ministério Público deixou claro que o deferimento da medida é apenas “parcial”. O texto mostra que “o fechamento da via possibilitará o aumento da velocidade de circulação dos trens e, consequente melhoria na prestação do serviço público, já que ocorrerá a diminuição de duração no tempo de viagem entre Guainases e Mogi das Cruzes beneficiando, assim, toda a população”. 

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por