Entrar
Perfil
BALANÇO

Covid atinge 0,23% dos 50.342 alunos e professores de Mogi

Com uma comunidade escolar formada por mais de 50 mil crianças e adultos, rede municipal registrou de maio até o último dia 3, 116 diagnósticos positivos da doença; na rede estadual, situação é semelhante

O Diário
14/06/2022 às 09:08.
Atualizado em 14/06/2022 às 09:29

Escolas municipais mantêm aulas até o dia 6 de julho; volta às aulas será no dia 15 de julho (Divulgação - Prefeitura de Mogi)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
BALANÇO

Covid atinge 0,23% dos 50.342 alunos e professores de Mogi

Com uma comunidade escolar formada por mais de 50 mil crianças e adultos, rede municipal registrou de maio até o último dia 3, 116 diagnósticos positivos da doença; na rede estadual, situação é semelhante

O Diário
14/06/2022 às 09:08.
Atualizado em 14/06/2022 às 09:29

Escolas municipais mantêm aulas até o dia 6 de julho; volta às aulas será no dia 15 de julho (Divulgação - Prefeitura de Mogi)

Um levantamento feito pela Secretaria de Educação Mogi das Cruzes, entre o começo do mês de maio até o últmo dia 3 de junho, indicou que 116 crianças e adultos foram diagnosticados com a Covid-19 na rede municipal de ensino. Foram 100 profissionais e 16 crianças testados positivos. Não foi divulgada a atualização dos dados até esta semana. O baixo número também é registrado na rede estadual de Ensino, como O Diário apresentou em reportagem na segunda-feira (13).

Com um total de 47.189 alunos e 3.153 trabalhadores, os casos da doença nas escolas municipais são noticiados à Vigilância Epidemiológica.

Do total de profissionais, são 1.539  integrantes do quadro do magistério e 1.614 do contingente de apoio e técnicos.

Quando uma criança ou um profissional testam positivo, eles são afastados e devem permanecer em casa, acompahando as aulas remotas. Segundo a pasta, diante da impossibilidade das aulas remotas, deve ser realizada a compensação posterior de conteúdos.

"As equipes têm se dedicado para que não haja nenhum prejuízo pedagógico para os estudantes", informa a pasta.

Já nos casos diagnosticados com a doença, pais, responsáveis e profissionais devem atender ao protocolo sanitário e o decreto municipal nº 20.971 de 1º de junho de 2022, que trata da obrigatoriedade do uso de máscara nas unidades escolares.

"O afastamento se dá pelo período indicado pelo médico e somente são considerados contactantes, ou seja, que devem se afastar também, os casos no âmbito familiar", esclarece nota da Educação.

A Prefeitura de Mogi das Cruzes tem registrado alta expressiva nos registros positivos da doença, embora, as internações ainda estejam em níveis baixos, quando esse ciclo atual é comparado com outras ondas da pandemia.

A Secretaria Municipal de Saúde tem reforçado os pedidos para a atualização do reforço da vacina para a contenção de casos graves.

Férias

O calendário escolar prevê o inicio do recesso de julho apenas no período entre os dias 6 e 15 de julho.

A rede municipal é responsável pelo atendimento de 47.189 alunos. São 3.153 servidores, sendo 1.539 do Quadro do Magistério e 1.614 de Quadro de Apoio e Técnicos.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por