MENU
BUSCAR
EM BUSCA DE MELHORIAS

Ambulantes discutem melhorias com Prefeitura de Mogi

A reunião, realizada no prédio da Prefeitura, discutiu medidas que podem ser adotadas para permitir o trabalho da categoria.

O Diário Publicado em 04/05/2021 às 08:01Atualizado há 9 dias
Divulgação Jonny Ueda

Uma comissão de vendedores ambulantes de Mogi das Cruzes foi recebida, na tarde desta segunda-feira (03), por representantes do Departamento de Fiscalização de Posturas da Secretaria Municipal de Segurança e da Guarda Municipal. A reunião, realizada no prédio da Prefeitura, discutiu medidas que podem ser adotadas para permitir o trabalho da categoria.

Leia mais: GCM intervém vendedor de caqui e causa aglomeração no Centro; veja vídeo

A administração municipal ouviu as demandas da categoria e solicitou aos ambulantes um levantamento sobre o número de pessoas que trabalham em Mogi das Cruzes e que não possuem regularização. A ideia é traçar um perfil destes profissionais, com os produtos que eles comercializam e o tempo que atuam nas ruas.

O encontro foi agendado após uma operação realizada pelo Departamento de Fiscalização de Posturas na região central na última sexta-feira (30/04). O objetivo foi iniciar um diálogo com a categoria.

Atualmente, a Prefeitura de Mogi das Cruzes possui 225 licenças disponibilizadas para empreendedores de rua, mas apenas cerca de 190 estão ativas. Desde o início desta gestão, as Secretarias Municipais de Segurança e de Desenvolvimento Econômico vêm estudando uma ampliação no número de vagas na cidade, para recompor o número de trabalhadores do setor.

As pastas também estão desenvolvendo um estudo do decreto que regulamenta o exercício do comércio ambulante para adequar e buscar mais melhorias para a categoria, inclusive com a possibilidade de abertura de novas vagas.

Uma nova reunião entre os representantes da Prefeitura e dos ambulantes está marcada para o início da segunda quinzena deste mês para avançar nas conversas sobre o setor.

ÚLTIMAS DE Cidades