A média móvel diária de óbitos por complicações do coronavírus do Alto Tietê apresenta queda de 40% na comparação dos dados desta terça-feira (23), com os de duas semanas atrás.

Há 14 dias, a média registrada era de 10, enquanto atualmente está em seis. 

Além da ligeira redução de vítimas fatais, os novos casos também estão em queda.

O total de novas confirmações diárias caiu de 257, há 14 dias, para 203, nesta terça-feira, conforme aponta a média móvel. 

O Alto Tietê registrou nesta terça-feira, 23, mais 14 mortes por Covid-19 nas cidades de Itaquá (2), Mogi (5), Poá (2), Santa Isabel (1) e Suzano (4). Com o acréscimo, o total de vítimas fatais salta para 2.181. 

Mogi segue liderando o triste ranking da infecção com 706 mortes confirmadas. Na sequência estão Itaquaquecetuba, Suzano e Ferraz de Vasconcelos, com 421, 373 e 216 mortes cada.

O total de contágios totais da doença desde o início da pandemia saltou para 56.661, sendo que 42.156 são referentes a pacientes que já estão recuperados da infecção. 

No Alto Tietê, a taxa de letalidade estava em 3,8% nesta terça-feira (23) enquanto a de recuperação em 74,4%.