Entrar
Perfil
MOBILIDADE REGIONAL

Acesso que ligará Itaquá ao rodoanel é prometido para agosto

Nova passagem vai diminuir o trajeto cumprido hoje por carros de 5,6 para 1,3 quilômetros entre a rodovia Ayrton Senna e o sistema Mário Covas

O Diário
18/05/2022 às 09:40.
Atualizado em 18/05/2022 às 09:41

Obras de acesso irá interligar a rodovia Ayrton Senna ao rodoanel Mário Covas, em Itaquá (Divulgação/Prefeitura de Itaquá)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
MOBILIDADE REGIONAL

Acesso que ligará Itaquá ao rodoanel é prometido para agosto

Nova passagem vai diminuir o trajeto cumprido hoje por carros de 5,6 para 1,3 quilômetros entre a rodovia Ayrton Senna e o sistema Mário Covas

O Diário
18/05/2022 às 09:40.
Atualizado em 18/05/2022 às 09:41

Obras de acesso irá interligar a rodovia Ayrton Senna ao rodoanel Mário Covas, em Itaquá (Divulgação/Prefeitura de Itaquá)

Devem ser concluídas em 90 dias as obras do novo acesso da Rodovia Ayrton Senna ao Rodoanel Mário Covas foram iniciadas em Itaquaquecetuba. A passagem na saída do município vai diminuir o trajeto de caminhões, que hoje é feito em 20,6 km, e de carros, que é de 5,6 km, para apenas 1,3 km. Os trabalhos devem ser concluídos pela Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) e pela Ecopistas em três meses, segundo divulga a Prefietura da cidade.

"É uma obra importante não só para a nossa cidade, como para todo o Alto Tietê. Teremos uma faixa exclusiva para acessar esse anel viário e isso vai melhorar a logística para as mercadorias e para os empresários. Um ganho em mobilidade urbana e na economia de tempo", afirma o prefeito Eduardo Boigues.

Construção de passagem irá melhorar a mobilidade para os moradores de Itaquaquecetuba e do Alto Tietê (Divulgação/Prefeitura de Itaquá)


No local onde o acesso será feito, na altura do km 35 da Ayrton Senna, já existe uma pista paralela que estava desativada e isolada com bloquetes. Além disso, o deslocamento para a Ayrton Senna pelo trecho, sentido Rio de Janeiro, não será permitido para garantir a segurança viária. Quem precisar acessar a rodovia, continuará usando a alça de acesso existente.

"É mais uma conquista para Itaquaquecetuba que valoriza a nossa posição geográfica e a população só tem a ganhar. Com o acesso, fica mais fácil de novos empresários investirem na cidade e gerarmos mais emprego e renda", completou o secretário de Transportes, Rogério Tarento.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por