MENU
BUSCAR
Plugado

Eduardo Mossri e outros convidados da coluna falam de 2022

Assim como na edição da semana passada, continuamos querendo saber o que moradores da nossa Região esperam do ano novo.

Filipe AlmeidaPublicado em 06/01/2022 às 15:27Atualizado há 8 dias

EDUARDO MOSSRI, ator - “Espero a cura para esse período pandêmico, discernimento e bom senso nas próximas eleições, a reconstrução e a união de um país, educação, preservação do meio ambiente e arte. Muita arte para toda e qualquer pessoa”.

JONATAS SAL, empresário – “Que o nosso novo ciclo de 2022 seja repleto de saúde, luz, amor e prosperidade! Que possamos descobrir o poder realizador que existe dentro de nós e tornar o impossível em realidade!”

RODRIGO FERNANDEZ, publicitário e presidente do Instituto Lea Campos – “O meu desejo do coração, é que sejamos muito mais conscientes e atenciosos com o mundo em que vivemos. Muita empatia e amor ao próximo. Que seja um ano mais leve, cheio de muita saúde! Viva 2022.”

KARINA MORETTI, diretora da escola Educati – “Foi um ano desafiador. O melhor em aprendizado e acolhimento, e como foi necessário o carinho nesse regresso. Ano que vem, pretendo realizar alguns dos meus sonhos: entrar também para o ramo pet.”

FRANCESCA VALENTI, presidente do projeto “Laços de Amizade” – “Que em 2022 seja um ano mais leve, com mais saúde, paz, amor e empatia e que possamos realmente fazer a diferença na vida das pessoas”.

PHILIP PINHAL – empresário – “Eu espero que 2022 tenhamos mais tranquilidade na área da saúde, que a situação do Covid realmente melhore ou acabe. Espero que as pessoas tenham mais consciência em suas próprias atitudes consigo mesmo, com o próximo e com o meio ambiente. Que a união e semelhanças fiquem acima das brigas e diferenças entre as pessoas, pois só assim, conseguiremos ter um progresso em nossa sociedade, uma vida digna, segura e feliz a todos. Que tenhamos mais igualdade do que diferenças.”

EDDY DEL BARRIO, barbeiro – “Que esse ano seja o melhor de todos os tempos e que tudo se encaixe! O mundo está precisando dessa estabilidade. Tenho certeza que se colocarmos Jesus no centro das nossas vidas, as coisas vão entrar nos eixos! Desejo um ano novo de muita prosperidade, saúde e paz!“