Entrar
Perfil
INFORMAÇÃO

Trem Intercidades é prioridade para candidatos a governador de São Paulo

Fernando Haddad e Tarcísio de Freitas, que decidem a eleição para governador do Estado, no segundo turno deste domingo, garantem a implantação dos trens, cada qual a seu modo

Darwin Valente
25/10/2022 às 07:06.
Atualizado em 25/10/2022 às 07:52

Trem Intercidades é promessa dos dois candidatos a governador de São Paulo, Fernando Haddad (PT) e Tarcísio de Freitas (Republicanos), e poderá, finalmente, sair do papel e das promessas (Foto: Mariana Acioli / O Diário)

Não importa quem vença as eleições para governador no segundo turno do próximo domingo (30), o Trem Intercidades deverá, finalmente, sair do papel. 

É o que se pode concluir das declarações dos candidatos Tarcísio de Freitas (Republicanos) e Fernando Haddad (PT), durante a atual campanha eleitoral que está chegando ao fim.

Os dois se mostram dispostos a executar as obras que foram prometidas no início do governo de João Doria Júnior (sem partido), mas que não saíram do papel, nem mesmo durante a administração do atual governador Rodrigo Garcia (PSDB).

Tarcísio de Freitas encara a questão do Trem Intercidades como algo de simples execução. “Vamos investir nos trens Intercidades; está fácil. O primeiro leilão que nós vamos fazer será do Trem Intercidades Campinas-São Paulo porque já tomamos todas as providências com a renovação antecipada da Malha Paulista e da MRS para tirar esse projeto do papel”, garante o ex-ministro da Infraestrutura do governo Bolsonaro.

O republicano já fala até mesmo na extensão do atendimento para a região do ABC, além de iniciar outras linhas para Sorocaba, Baixada Santista e São José dos Campos, exatamente a que mais interessa aos mogianos e moradores do Alto Tietê.

“Vamos implementar o Trem Intercidades, com a contratação da operação da linha entre Americana e São Paulo, passando pelas cidades de Campinas, Jundiaí, São Paulo e região do ABC. E iniciar os estudos e projetos para segunda linha, ligando Sorocaba a São José dos Campos, assim como o acesso à Baixada Santista”, garantiu o candidato.

O petista Fernando Haddad também coloca o assunto entre suas prioridades, caso seja eleito no próximo domingo.

“Nós vamos fazer os trilhos interurbanos do chamado Trem Intercidades. Campinas é prioridade zero, por causa do Aeroporto de Viracopos, e por ser uma das cidades mais importantes do Estado. Lá também tem um centro tecnológico importante como a Unicamp, um centro industrial, e nós precisamos ligar a Capital com Campinas para que essa integração aconteça”, afirmou.

Haddad tem uma proposta diferente para o Trem Intercidades. Enquanto Tarcísio quer aproveitar as linhas já existentes, a exemplo do que propunham João Doria e Rodrigo Garcia, o candidato Haddad quer criar uma linha específica para as futuras interligações. O candidato diz que para tirar o projeto do Trem Intercidades do papel será preciso criar um novo traçado, paralelo ao já existente para cargas. Após a conclusão do trecho Campinas-SP, prometeu Haddad, será a vez de São José dos Campos, Baixada Santista e Sorocaba serem contempladas.

João Doria, quando governador de São Paulo, chegou a anunciar a abertura simultânea de concorrência para levar o Trem Intercidades para as regiões de Campinas e do Vale do Paraíba, que poderia beneficiar Mogi das Cruzes.

Com a pandemia, o assunto acabou protelado e, ao deixar o governo para se candidatar a presidente, Doria ainda chegou a incluir a volta dos trens entre seus projetos. Mas os desencontros internos do PSDB não deixaram Doria concorrer, como também tiraram, ao menos temporariamente, o ex-candidato da vida pública e partidária.

Seu substituto no cargo, o atual governador Rodrigo Garcia, pretendia incluir os trens Intercidades em um possível segundo mandato no comando do Estado. No entanto, o tucano sequer chegou ao segundo turno, ficando em terceiro lugar na primeira etapa das atuais eleições.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2023É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por