Entrar
Perfil
INFORMAÇÃO

Obras na Estrada de Sabaúna já têm problemas, mostra leitor

“Nem terminaram a obra e já vemos o asfalto se desfazendo”, afirma o leitor Antonio Garcia, que por lá passou recentemente e fotografou a situação

Darwin Valente
30/11/2022 às 07:07.
Atualizado em 30/11/2022 às 07:24

Leitor mostra problemas encontrados por ele nas obras de recuperação asfáltica da Estrada Velha de Sabaúna, cujo pavimento está deteriorando antes mesmo da conclusão dos serviços (Antonio Garcia - Divulgação)

Antes mesmo de estarem concluídas, as obras de pavimentação da Estrada Velha de Sabaúna já começam a apresentar problemas, especialmente a deterioração do piso asfáltico recém-colocado. É o que mostra uma série de fotos encaminhadas a esta coluna pelo leitor Antonio Garcia (antonio.garcia1955@gmail.com), que se diz decepcionado com a qualidade do serviço ali realizado.

“Muito triste vermos mais um trabalho sendo executado de uma maneira desleixada”, afirma ele, em um e-mail encaminhado à coluna. 

(Antonio Garcia - Divulgação)

Garcia conta que passando pela estrada que leva a Sabaúna, no último final de semana, presenciou e fotografou o trabalho que está sendo feito com um custo de quase R$ 12 milhões.

“Ainda não finalizaram a obra e já vemos o asfalto se desfazendo; aliás, colocaram uma casquinha de asfalto que logo vai virar barro”, diz Garcia, que ainda comenta:

“Com certeza, o prefeito, senhor Caio Cunha, não tem conhecimento disso. Acredito que agora ele deverá chamar seu secretário responsável e dar uma fiscalizada na obra que está sendo paga pelos contribuintes da cidade de Mogi das Cruzes”.

E conclui: “A população mogiana agradece uma firme atuação do nosso prefeito”, assegura Garcia.

(Antonio Garcia - Divulgação)

A pavimentação da Estrada Velha de Sabaúna tem sido um desafio permanente para prefeitos mogianos recentes. Os problemas que começaram na época de Junji Abe, se estenderam, ainda sem solução definitiva durante os governos de Marco Bertaiolli e Marcus Melo.

A questão é simples de ser entendida: sem um sistema adequado de drenagem, todo tipo de asfalto que vier a ser colocado na estrada estará condenado a sofrer a ação das chuvas que, sem terem para onde escoar, acabam danificando a camada asfáltica e, em determinadas situações, abrindo valetas nas laterais e até mesmo no centro da pista. E aí, será mesmo dinheiro jogado fora.

(Antonio Garcia - Divulgação)

A julgar pelas fotografias enviadas pelo leitor, a reduzida camada de asfalto lá implantada já começa se deteriorar após as primeiras chuvas do período, que podem vir a complicar ainda mais a situação, à medida que forem se intensificando com a chegada do verão, se providências não vierem a ser tomadas.

 Outro lado

Procurada para comentar o assunto, a Prefeitura enviou a seguinte resposta à coluna:

"A Prefeitura esclarece que a obra na estrada de Sabaúna é uma realização do Governo do Estado, por meio do DER, cabendo ao município apenas a sua fiscalização. Importante esclarecer que no projeto consta todo o trabalho de drenagem que está sendo realizado. 

A Secretaria de Infraestrutura Urbana aguardava uma liberação por parte da Cetesb para realizar a limpeza do córrego Guararema. Nesta terça, foi iniciada a limpeza, o que deve contribuir para evitar cheias no decorrer da estrada. Em paralelo, a pasta realiza o trabalho de fiscalização da obra e constatou que o alteamento do grade da pista em 80 centímetros, previsto em projeto, foi cumprido. Entretanto, ao identificar os problemas relatados, pleiteia junto ao DER e à empresa responsável pela obra, o aumento de mais 40 centímetros do grade da pista, passando dos atuais 80cm para 1,20m. Tal medida também deve colaborar para melhor conservação do asfalto, mesmo em períodos mais chuvosos".

 Governo Lula

O desembargador aposentado mogiano, Marco Nahum, não esconde um “início de decepção” com os primeiros passos do  futuro governo do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT). “Ele continua ancorado no passado. Fernando Haddad, José Múcio, Aloizio Mercadante, Gleisi Hoffmann, etc, constituem não só um agradecimento à lealdade inegável dos tempos de prisão, como a ressurreição de tempos passados. O Brasil e o mundo evoluíram e estão a exigir ‘novos tempos e novas ideias’ que, além de contemporâneas, afastem a ‘raiz’ do antipetismo em nome de um Brasil mais unido e atual. Gosto de uma frase que não é minha: ‘Não aprenderam nada; não esqueceram nada’ (Carlos Sardenberg)”.

 Nota do PL

Ainda sob os efeitos da multa de quase R$ 23 milhões, que lhe foi aplicada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por haver questionado, sem provas, o resultado das recentes eleições para presidente da República, o PL divulgou nota  prometendo “adotar todas as medidas adequadas para preservar a liberdade, o direito à livre atividade parlamentar e partidária, o direito à liberdade de expressão e, mais ainda, o direito constitucional e democrático de contestar decisões judiciais  sem sofrer qualquer retaliação”. 

A nota é assinada pela Assessoria de Imprensa do partido presidido por Valdemar Costa Neto.

 Santana em Guararema

A cidade de Guararema será a última região pastoral da Diocese de Mogi das Cruzes a receber a imagem de Santana, na etapa final de uma peregrinação iniciada em janeiro deste ano e que já alcançou as demais cidades do Alto Tietê. 

A chegada da imagem acontece nesta quarta-feira (30), às 19 horas, durante uma missa que será celebrada pelo bispo diocesano, dom Pedro Luiz Stringhini, na Paróquia de São Benedito, na região central daquela cidade. 

A passagem da imagem lembra os 60 anos de criação e instalação da Diocese de Mogi. 

Santana, que é padroeira de Mogi, é também da Diocese que está completando o seu Jubileu de Diamante.

 Mais asfalto

A Prefeitura de Mogi continua apostando em novas obras para melhoria da pavimentação de ruas da cidade, muitas delas em precárias condições de conservação. As ruas Domingos de Souza, Brigadeiro Newton Braga e nova etapa da avenida Japão serão recapeadas pela empresa Rural Construção Civil Ltda, ao custo de R$ 2,59 milhões. 

A mesma empresa também venceu a tomada de preços para recapear a rua Coronel Cardoso de Siqueira, na Vila Oliveira. Valor da obra: R$ 980,28 mil.

 Caderno...

O potencial e toda a representatividade econômica das 12 cidades da região abrangidas pelo Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) serão mostrados no Caderno de Negócios que será lançado nesta quarta-feira (30), a partir das 9 horas, no Centro Educacional Adamastor, na avenida Monteiro Lobato, 734, em Guarulhos.

Indicadores econômicos, informações dos principais setores produtivos da região, além do perfil de cada um dos municípios integrantes do consórcio serão apresentados na publicação, que será lançada na presença do atual governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB).

 ... de Negócios

Um dos destaques da programação é a palestra “Cenário econômico global e nacional: impactos e perspectivas para a região em 2023”, ministrada pelo economista e professor associado da Fundação Dom Cabral, Carlos Braga.

“Nossos municípios são distintos, cada um possui suas particularidades, porém todos contribuem para que a região se torne cada vez mais competitiva e se destaque como uma das principais opções para investir e empreender”, garante o presidente do Condemat, o prefeito Gustavo Guti Henric Costa (PSD), de Guarulhos.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2023É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por