Entrar
Perfil
INFORMAÇÃO

Mogiano Sadao Sakai é o novo interventor da Santa Casa de Suzano

O ex-controlador-geral da Prefeitura daquela cidade foi designado para o cargo pelo prefeito Rodrigo Ashiuchi, do PL

Darwin Valente
17/03/2022 às 07:16.
Atualizado em 17/03/2022 às 07:16

Sadao Sakai foi para Suzano preparar sua candidatura a deputado estadual e acabou se tornando o novo interventor da Santa Casa de Misericórdia daquela cidade (Foto: arquivo / O Diário)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
INFORMAÇÃO

Mogiano Sadao Sakai é o novo interventor da Santa Casa de Suzano

O ex-controlador-geral da Prefeitura daquela cidade foi designado para o cargo pelo prefeito Rodrigo Ashiuchi, do PL

Darwin Valente
17/03/2022 às 07:16.
Atualizado em 17/03/2022 às 07:16

Sadao Sakai foi para Suzano preparar sua candidatura a deputado estadual e acabou se tornando o novo interventor da Santa Casa de Misericórdia daquela cidade (Foto: arquivo / O Diário)

Quando foi para Suzano, há pouco mais de um ano, para ocupar o cargo de controlador-geral da Prefeitura e se tornar mais conhecido para ser lançado candidato a deputado estadual, o ex-vereador Sadao Sakai (PL) jamais imaginaria o desafio que teria de encarar pela frente. 

Pois o mogiano acaba de ser empossado no lugar do médico Cid Cury, no cargo de interventor da Santa Casa de Suzano, que tenta sair de uma de suas maiores crises econômico-financeiras. 

O prefeito Rodrigo Ashiuchi (PL) está confiante nos resultados do trabalho de Sakai, após sua performance no antigo cargo.

Já a candidatura a deputado vai ficar mesmo para outra oportunidade, após a mudança de planos políticos do PL para o Alto Tietê.

Um detalhe: o médico Cid Cury esteve como interventor da filantrópica durante os últimos cinco anos.


Educação ganha secretária-adjunta

A atual secretária municipal de Educação, Patrícia Helen Gomes dos Santos, já tem uma secretária-adjunta: Andreia Pereira de Souza, diretora de escola atuando como coordenadora da Divisão de Orientação Pedagógica da  Secretaria. 

A professora é graduada em Letras pela UMC e em Pedagogia, pela UBC. 

É ainda pós-graduada em  Educação Infantil pela Universidade São Luiz. 

Andreia é professora de Pedagogia e do curso de pós-graduação em Gestão Educacional da UMC. E agora, já dispondo até mesmo de uma adjunta, é bem provável que o nome de Patrícia Helen passe a constar da relação dos secretários municipais, no portal da Prefeitura Municipal de Mogi, o que até ontem à tarde ainda não acontecia.


Missa gregoriana custa R$ 3,5 mil

Quem quiser encomendar uma missa gregoriana (celebrada em latim) para marcar algum evento católico poderá despender até  R$ 3,5 mil.  Este valor é o teto máximo estabelecido pelo bispo diocesano, dom Pedro Stringhini,  na tabela de espórtulas e taxas a serem adotadas pela Diocese no decorrer deste ano. 
Espórtula é uma espécie de oferta (pré-fixada) dada para a celebração dos sacramentos. 

Mas o  bispo também alerta que o pároco deve considerar a situação financeira das pessoas  para não privar os mais pobres dos sacramentos. 
A tabela prevê R$ 100 pela missa comum, R$ 120 pelo batismo (com certidão),  e casamentos a R$ 606. 

Em missas especiais, matrimônios e batismos, além das espórtulas, os padres poderão  estabelecer taxas para filmagens, fotografias e decoração, destinadas ao caixa paroquial

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por