Entrar
Perfil
INFORMAÇÃO

Jundiapeba receberá Escola Viva, uma megaestrutura com ensino diferenciado

Futuro complexo educacional será lançado pelo prefeito Caio Cunha, às 10 horas, deste sábado (24), na esquina da rua Professora Lucinda Bastos com avenida Alfredo Crestana

Darwin Valente
22/09/2022 às 07:09.
Atualizado em 22/09/2022 às 07:39

Imagem produzida em computador da fachada da futura Escola Viva, um moderno complexo educacional que deverá ser lançado neste sábado (24), no distrito de Jundiapeba (Foto: reprodução)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
INFORMAÇÃO

Jundiapeba receberá Escola Viva, uma megaestrutura com ensino diferenciado

Futuro complexo educacional será lançado pelo prefeito Caio Cunha, às 10 horas, deste sábado (24), na esquina da rua Professora Lucinda Bastos com avenida Alfredo Crestana

Darwin Valente
22/09/2022 às 07:09.
Atualizado em 22/09/2022 às 07:39

Imagem produzida em computador da fachada da futura Escola Viva, um moderno complexo educacional que deverá ser lançado neste sábado (24), no distrito de Jundiapeba (Foto: reprodução)

O prefeito Caio Cunha (PODE) lança, neste sábado (24), às 10 horas, o início das obras da Escola Viva de Jundiapeba, um complexo educacional que será dotado de uma megaestrutura física, destinada a oferecer um projeto educacional diferenciado para os alunos daquela localidade. 

O futuro prédio ocupará todo um quarteirão localizado a partir da esquina da rua Professora Lucinda Bastos com avenida Alfredo Crestana, numa região vulnerável do distrito de Jundiapeba.

A estrutura prevê áreas de convívio integradas num percurso contínuo, dotadas de quadra coberta, páteos coberto e descoberto, biblioteca, pomar/solário, praça coberta com auditório e praça descoberta.

As áreas de convivência intercalam, de um lado, o setor pedagógico com salas de apoio e administração; e de outro, salas de aulas e setores de serviço e zeladoria.

O complexo, já denominado de Ecossistema, voltado para a pesquisa e o conhecimento, como “coração” da proposta, será dotado de piscina coberta e aquecida, elevador panorâmico, auditório, quadras poliesportivas, horta elevada, refeitório, biblioteca com mezanino, pomar com mini arquibancada, entre outros aspectos voltados para oferecer aos estudantes do distrito um sistema educacional à altura dos principais colégios particulares da cidade.

O mais ousado projeto educacional do governo deverá estar concluído até o final do atual mandato do prefeito Caio Cunha.

Negócio fechado

O empresário Ademir Severino Stein foi quem adquiriu o prédio da esquina das ruas Dr. Corrêa e Barão de Jaceguai, ao lado do Largo Bom Jesus, onde funcionava, desde 1977, a Doceria Mirella. Segundo apurou a coluna, o novo dono ainda estuda o destino a ser dado ao imóvel, situado num dos pontos comerciais mais valorizados do centro tradicional da cidade.

Ademir é o proprietário da rede de joalherias S. Stein, com duas unidades em Mogi, duas em Suzano e outra em São José dos Campos, no Vale do Paraíba.

Fundo...

Criado para, entre outros aspectos, democratizar o acesso dos candidatos aos recursos para suas respectivas campanhas, o fundo eleitoral não vem sendo distribuído como se esperava pelos partidos. 

A pouco mais de uma semana para a eleição, números do Tribunal Superior Eleitoral indicam que 33% dos concorrentes aptos para a disputa não receberam um tostão sequer dos recursos carimbados para suas campanhas.

...eleitoral

O fundo, que nestas eleições totalizou R$ 4,9 bilhões, deve ser destinado, segundo a legislação, proporcionalmente aos partidos levando em conta a representatividade política do partido no Congresso também influi decisivamente em sua participação na divisão do bolo bilionário, assim como o total de candidatas mulheres e de candidatos negros.

As dificuldades enfrentadas por muitos candidatos para receber dinheiro do fundo também estão presentes entre concorrentes do Alto Tietê, conforme mostrou levantamento da repórter Silvia Chimello, publicado no início desta semana. O candidato Airton dos Santos, o Pai Airton (PP), por exemplo, não recebeu recursos de sua legenda, tendo de fazer campanha com as poucas doações que obteve, até agora.

Em campanha

O ex-vice-prefeito de Biritiba Mirim, João de Oliveira Prado (PT), tem percorrido ruas do centro e bairros daquela cidade pedindo votos para dois candidatos a deputado de seu partido. O apoio visa reeleger o deputado federal Alexandre Padilha e eleger o mogiano Rodrigo Valverde, candidato a deputado estadual.

Em Suzano

Quem também está nas ruas de Suzano pedindo votos para Lula e outros candidatos mais à esquerda é o ex-prefeito Marcelo Candido (PT). Candido tem se dedicado, segundo ele, “a construir uma agenda em prol da unidade da esquerda para derrotar o fascismo e apoiar a eleição do presidente Lula no primeiro turno”, com a articulação da vinda a Suzano de várias lideranças progressistas nacionais, como Marina Silva (Rede), Guilherme Boulos (PSOL), deputado Ivan Valente (PSOL), entre outros.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por