Entrar
Perfil
INFORMAÇÃO

Assaí Atacadista manterá duas unidades em atividade no bairro do Mogilar

Assessoria corrige informação e diz que a nova loja do atacarejo está sendo preparada para iniciar operações até dezembro, visando aproveitar o período de festas deste final de ano

Darwin Valente
07/09/2022 às 14:41.
Atualizado em 09/09/2022 às 16:16

Assaí tem obras aceleradas para iniciar atividades no Mogilar até o final deste ano e aproveitar as vendas do período de festas que se aproxima (Divulgação/Mário Ferreira)

A nova unidade do Assaí Atacadista que deverá ocupar o lugar do antigo Extra Hipermercados, na avenida Prefeito Carlos Ferreira Lopes, bairro do Mogilar, deverá iniciar atividades até o final de dezembro próximo. 

A informação é da assessoria de Comunicação da empresa e corrige uma outra, passada à coluna no decorrer desta semana, dando conta que que a inauguração somente aconteceria no início do próximo ano.

A assessoria também informa que a loja do Assaí localizada no mesmo bairro, junto à avenida José Meloni, continuará em operação, mesmo depois da abertura do novo atacarejo. Esta notícia põe fim às especulações dando conta de que o grupo ficaria apenas com uma loja naquela região da cidade para evitar a chamada “concorrência predatória”.

Os estudos realizados pelos técnicos do grupo indicam que existem público e consumo suficientes para a manutenção dos dois supermercados, ainda que eles estejam a menos de um quilômetro de distância um do outro, em linha reta.

A movimentação dos trabalhadores junto à nova loja, cujo ponto ainda pertence ao Grupo Shibata, de Mogi das Cruzes, é o indicativo mais concreto de que tudo está sendo feito para a abertura nos próximos meses, visando aproveitar ao máximo o período de boas vendas do Natal e Ano Novo. 

No canteiro de obras é possível notar a movimentação de funcionários diariamente, inclusive durante os finais de semana e feriados, num ritmo aceleradíssimo para tentar concluir os trabalhos no menor tempo possível.

Nos últimos dias, quem passa pelas proximidades do local pode notar a concentração de trabalho na pavimentação interna da área do futuro estacionamento, assim como na preparação das treliças para receber a cobertura junto ao acesso principal da loja. 

Também é possível ver que o espaço a ser ocupado por produtos e consumidores foi ampliado, com a elevação do pé direito do antigo imóvel, certamente para receber parte dos estoques da futura loja.

O Assaí ainda não divulga maiores detalhes sobre as características do futuro ponto, alegando que as obras ainda estão em andamento e, portanto, sujeitas a alterações de última hora.

Embora exista um projeto executivo a ser seguido, o grupo não diz, por exemplo, qual será a futura área de vendas, total de caixas, número de itens a ser comercializado, total de vagas no estacionamento, entre outras informações básicas relativas ao funcionamento do atacarejo.

O que se sabe até agora é que a nova unidade deverá gerar em torno de 500 empregos diretos e indiretos e que a maioria dos funcionários já foi contratada e atualmente vem sendo submetida a intenso treinamento para dar um atendimento de qualidade à futura cliente.

Não se sabe também se a loja do Assaí, em fase final de instalação, irá obedecer ao novo padrão adotado para as sucedâneas dos Extra, em São Paulo, ou seja, um supermercado com algum grau de sofisticação, mas sem perder suas características populares. 

Entre as novidades registradas na Capital e outros pontos estão um visual mais clean, com direito a mercadorias associadas a mercados de “ricos”, como uma completa adega de vinhos. A conferir.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por