Entrar
Perfil
ELEIÇÕES 2022

Veja o que os candidatos do Alto Tietê pensam sobre aborto

O Diário questionou os 26 candidatos a deputado estadual e federal sobre este e outros temas; uma minoria não encaminhou resposta aos questionamentos

O Diário
24/09/2022 às 07:34.
Atualizado em 24/09/2022 às 17:26

Eleições O Diário (Reprodução)

O Diário questionou os candidatos do Alto Tietê a deputado estadual e federal sobre a liberação do aborto. Confira abaixo o que cada um pensa sobre o assunto, considerando que nem todos responderam as perguntas.

Aproveite e clique aqui para ler o que eles têm a dizer sobre outros temas:

 RALF NAURE

Partido PV | Candidato a deputado federal

Sou totalmente a favor da legalização do aborto, porque em última instância, a decisão de prosseguir ou não com a gestação tem que ser da mulher e não do Estado. A legalização do aborto evitaria milhares de mortes e sequelas que ocorrem hoje em dia em clínicas clandestinas. Defendo: educação sexual para prevenir, contraceptivos para não engravidar, e aborto legal, seguro e gratuito para não morrer.

 FERNANDO MUNIZ
Partido PP | Candidato a deputado estadual

Embora a legislação brasileira já tenha sido flexibilizada para que o aborto seja permitido em casos específicos, acredito que ainda há muito a ser feito com relação à saúde da mulher. É preciso que essas mulheres que necessitarem interromper a gestão com base no texto legal, tenham, também garantido nos termos da legislação vigente, todo amparo físico e psicológico que a situação exige.

 MARCOS FURLAN
Partido PODEMOS | Candidato a deputado estadual

Nossa legislação permite a interrupção da gravidez em casos pontuais: quando há risco de vida para a gestante; quando é resultado de um estupro e quando o feto for anencefálico. As gestantes que se enquadrarem em uma dessas três situações têm respaldo do governo para obter gratuitamente o aborto legal através do SUS.  Sou contra o aborto, mas, sobretudo, defendo que nossa lei seja seguida com rigor nestes casos pontuais de direito à interrupção da gravidez. 

 AIRTON DOS SANTOS
Partido PP | Candidato a deputado federal

Sou totalmente contra, pois acho que a concepção da vida não é quando nasce. Já existe um ser vivo na barriga e na minha opinião é um assassinato.

 ROBERTO DE LUCENA
Partido REPUBLICANOS | Candidato a deputado federal

Aborto é crime. É homicídio. As tolerâncias previstas na lei são aceitáveis, apenas isso. A vida começa na concepção.

 INÊS PAZ
Partido PSOL | Candidata a deputada estadual

Não respondeu a pergunta.

 OSWALDO OLIVEIRA
Partido AVANTE | Candidato a deputado estadual

Aborto para mim é crime, claro, desde que haja provas que as mães realmente quiseram tirar sem comunicação às autoridades, tendo em vista que em casos de estupro, deve ser, sim, aprovada lei para que a mulher que sofreu tal violência tenha amparo das autoridades para abortar.

 FELIPE LINTZ
Partido PATRIOTA | Candidato a deputado federal

Não respondeu a pergunta

 RODRIGO GAMBALE
Partido PODEMOS | Candidato a deputado federal

Eu vou ser sempre a favor da vida, em qualquer situação. Acredito que ninguém, até mesmo quem realiza, é a favor do aborto, pois é um trauma físico e psicológico. O aborto, por ser um procedimento contra a natureza, pode gerar danos irreversíveis para a mulher, além de colocar fim a uma vida.

 JOSUÉ GONÇALVES
Partido PDT | Candidato a deputado estadual

Sobre o aborto, sou contra, pois na minha opinião, se a mulher não quer ter filhos, ela se previne. Hoje, temos vários métodos de se prevenir. Então, se deve ir ao fim e criar, pois estamos falando de vidas inocentes. A favou, eu sou quando tem estupros, pois a mulher não teve culpa e é, sim,  vítima. Isso traz traumatismos. 

 PEDRO MIRANDA
Partido REPUBLICANOS | Candidato a deputado estadual

Sou contra.

 KATIA SASTRE

Partido PL | Candidata a deputada federal

Sou totalmente contra. Aborto é um eufemismo para o assassinato de uma criança no útero materno. É uma agenda regida por progressistas que pregam a cultura de morte tendo como desculpa o direito de escolha da mulher. O discurso de “meu corpo, minhas regras” não cabe quando se leva no ventre outra pessoa, com dignidade e direitos defensáveis a quem já nasceu. Toda tentativa nesse sentido é simplesmente a legalização de assassinatos em massa.

 ANDRÉ DO PRADO

Partido PL | Candidato a deputado estadual

Não respondeu a pergunta.

 JULIANO BOTELHO

Partido PSB | Candidato a deputado estadual

Hoje, há diversos métodos contraceptivos que evitam uma gravidez indesejada, mas tenho o posicionamento de que o aborto deverá ser considerado em casos de estupro, risco para as mães ou se o feto é anencéfalo, situações essas nas quais nosso Código Penal Brasileiro já permite. E defendo que em situações em que o aborto for cogitado, o mesmo deverá ser de forma célere e sigilosa.

 RODRIGO ROMÃO

Partido PC do B | Candidato a deputado federal

O aborto clandestino é uma das principais causas de morte materna no Brasil e no mundo. De acordo com a OMS, mais de 73 milhões de abortos foram realizados no mundo entre 2015 e 2019, sendo que aqui, na América Latina, 75% são realizados de forma insegura. Esta situação geralmente atinge as mulheres pobres e periféricas, principalmente as negras. Por isto, precisamos discutir o tema como questão de saúde pública e não uma questão criminal.

 MARCELO BRÁS
Partido PSDB | Candidato a deputado federal

Não respondeu a pergunta.

 ANDERSON - ACESSIBILIDADE
Partido PP | Candidato a deputado estadual

Sou cristão e acredito que ninguém tem o direito a tirar a vida, porém, vivemos em um estado democrático de direito, então cada pessoa é responsável pelos seus atos.

 MARCIO ALVINO
Partido PL | Candidato a deputado federal

Não respondeu a pergunta.

 CLODOALDO DE MORAES

Partido PL | Candidato a deputado estadual

Sou contra. Em primeiro lugar porque sou cristão, adventista do sétimo dia, e, como tal, entendo que fomos criados à imagem de Deus, de quem recebemos o dom de procriar. Creio também que esse dom sagrado deveria ser sempre valorizado e estimado. Em segundo lugar, a própria Biologia e a Medicina nos ensinam que a vida tem início na concepção e, portanto, o feto possui dignidade humana e direitos fundamentais, em particular o direito à vida.

 LUIZ CARLOS GONDIM
Partido UNIÃO BRASIL | Candidato a deputado estadual

Sou a favor da vida e, como médico, sou contra falar de aborto. Nem sempre é uma tarefa fácil, pois o tema além de ser delicado envolve questões morais, científicas, éticas, religiosas e filosóficas. A prática, que já é antiga, também representa diversos riscos à saúde das mulheres.

 RODRIGO VALVERDE

Partido PT | Candidato a deputado estadual

O aborto parte da falta de políticas públicas, conscientização e prevenção. É importante discutir como acontece o aborto na prática. Meninas pobres sujeitas a todo tipo de violência são punidas pelo estado, demonizadas e excluídas, mas mulheres ricas abortam da maneira mais segura possível, com o conhecimento do estado e não são punidas. É muito raso quando se pergunta: alguém é a favor do aborto? Ninguém é a favor do aborto, nem quem o fez.

 MARCO BERTAIOLLI

Partido PSD | Candidato a deputado federal

Essa é uma questão muito ampla e difícil de ser discutida em poucas linhas e palavras. É preciso analisar com profundidade, com a participação da sociedade civil e levando em conta todos os aspectos.

 MICHAEL DELLA TORRE
Partido PTB | Candidato a deputado federal

Creio que essa questão deve ser analisada caso a caso, pelo médico, ou pelo juiz, de acordo com a situação peculiar de cada pretendente, sobretudo, em casos de risco de vida na gestação.

 FERNANDA MORENO
Partido MDB | Candidata a deputada estadual

É uma discussão complexa e bem subjetiva, que não pode ser tratada de maneira generalizada. Acredito e defendo o respeito a toda forma de vida. O tema não pode se banalizar. Não pode ser assim “ah não quero essa criança, vou ali tirar”, mas esperar que a Justiça demore 6 meses para decidir sobre uma criança que sofreu abuso e ficou grávida é um absurdo. Precisamos de leis e políticas públicas que tragam maior conscientização e prevenção à gravidez indesejada.  

 MARCOS DAMÁSIO

Partido PL | Candidato a deputado estadual

Sou totalmente contrário ao aborto, exceto em algumas situações, que já são as previstas em lei, como o estupro, por exemplo. Como cristão, defendo que a vida é a maior dádiva que Deus nos concede e não cabe a nós decidirmos aleatoriamente sobre ela ou não.

 ROMILDO CAMPELLO
Partido PV | Candidato e deputado estadual

Sou a favor da manutenção da atual legislação sobre o tema. O que devemos fazer é investir em educação sexual e métodos anticoncepcionais acessíveis, para que a gravidez indesejada possa ser evitada de maneira efetiva.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por