Entrar
Perfil
PETS

Cães que buscam por um lar alegram o Festcão neste domingo

Após dois anos, o Festcão serão realizado neste domingo (6) pela TV Diário e apoiadores na arena instalada em praça, no Nova Mogilar

Larissa Rodrigues
05/11/2022 às 07:48.
Atualizado em 05/11/2022 às 19:57

Pessoal, eu me chamo Margô e tenho apenas seis meses de idade. Sou bastante brincalhona e me dou bem com todos. Já estou castrada e vacinada. (Divulgação)

“Fala, galera! Como vocês estão? Bom, eu não queria contar uma história triste, mas é assim que tenho me sentido nos últimos anos, vendo tantos aumiguinhos sendo adotados e eu sempre ficando para trás. Eu me chamo Esperança, tenho 6 anos  e já fui um cachorro muito feliz! Mesmo vivendo nas ruas, eu tinha um tutor e o amava muito e sempre o enchi de carinho. Mas eu acabei sendo abandonado. 

Junto ao meu tutor, eu ficava sempre em frente a um supermercado em Suzano. E foi por causa disso, inclusive, que ganhei este nome, Esperança. Esse meu companheiro cuidava de carros ali por perto, mas um dia ele foi embora e me deixou por lá. 

Eu precisei ser resgatado pelo pessoal da ONG Garras, mas já estava debilitado, magro, tristonho, sem apetite, gripado e com sarna. O abandono me trouxe muitas consequências, eu fiquei apático e depressivo. Hoje, eu já me sinto muito melhor! Sou dócil, me dou super bem com outros animais e também com as crianças. 

A única coisa que tem me deixado triste é não encontrar uma família que queira me dar muito amor e uma vida digna. Já são quase dois anos nessa espera e eu não vejo a hora de ter uma oportunidade. Não vou mentir para vocês: eu sou carente, gosto de carinho e atenção o tempo todo. Mas quem é que não gosta, não é mesmo? 

Espero que no Festcão eu possa ser adotado, ficarei muito feliz se isso acontecer! Na próxima página, vocês poderão conhecer outros aumiguinhos que estarão para adoção no evento, que contará com quase 50 cachorrinhos para adoção”.
Assinado: Esperança 

ONG GARRAS 

 Fundado em 2021, o Grupo de Apoio, Resgate e Reabilitação Animal Suzano (GARRAS) é uma Organização Não Governamental (ONG), sem fins lucrativos. Eles serão os responsáveis pela feira de adoção que acontece no Festcão, evento realizado pela TV Diário, que acontece neste domingo (6) a partir das 9 horas, na Praça Assunção Ramires Eroles, conhecida como Praça do Habib’s, no bairro Nova Mogilar, em Mogi das Cruzes. 

Hoje, 126 animais estão sob a tutela do Grupo, que não tem uma sede, e por isso depende de lares temporários que são fornecidos pelos protetores ou por voluntários que surgem esporadicamente. Dentre eles, cerca de 30 a 35 filhotes e de 10 a 13 adultos estarão para adoção no domingo. 
Apesar de a ONG ter sido criada no ano passado, algumas das protetoras que fazem parte da equipe já atuaram no Festcão em anos anteriores. Martha Rodrigues é uma das fundadoras do GARRAS e já esteve no evento por, pelo menos, seis anos, como a responsável pela feira de adoção. 

“O Festcão é um evento que atrai um público muito grande e isso nos dá bastante visibilidade, o que é importante por sermos uma ONG nova. Mas, o maior benefício é que conseguimos doar um número grande de animais. Eles precisam muito de uma família, sair do lar temporário, e nós ficamos muito felizes quando encontramos pessoas que realmente darão amor para eles”, afirma Martha. 

Mesmo sem ter uma sede, os custos para cuidar dos animais não são baixos. Sem receber qualquer ajuda de órgãos públicos, a ONG depende de doações e até mesmo do dinheiro que sai do bolso dos próprios protetores. Eles arcam com custos de ração, vacinação, castração e tratamentos médicos. 

“Ser protetora é estar o tempo inteiro recebendo pedidos de ajuda e precisar ter um psicológico muito forte, porque vivenciamos histórias muito tristes. Mas, ao mesmo tempo, não tem nada mais gratificante do que cuidar de um animal, encontrar uma família para ele e ver ele vivendo uma vida feliz. Isso é como ganhar na Mega-Sena”, finaliza Martha. 

Eu me chamo Duque e tenho dois aninhos. Sou muito dócil, convivo bem com outros animais e adoro crianças. Meu porte é médio e já estou castrado e vacinado. (Divulgação)

Meu nome é Russinha e eu sou um pouco medrosinha, mas, muito dócil. Já estou castrada e vacinada, tenho uns 5 aninhos e meu porte é pequeno. (Divulgação)

Eu sou o Ghu. Tenho só um ano e meio, então sou muito brincalhão e adoro crianças. Também me dou bem com outros animais e sou dócil. Já estou castrado, com as vacinas em dia e tenho porte médio. (Divulgação)

Eu sou o Amendoim, um cachorrinho de porte pequeno e de 3 aninhos de idade. Eu me dou bem com crianças e outros animais, estou castrado e vacinado. (Divulgação)

Está aí na foto sou eu, Izabela. Eu tenho aproximadamente um aninho e um comportamento dócil. Meu porte é médio e já estou castrada e vacinada. (Divulgação)

Pessoal, eu me chamo Margô e tenho apenas seis meses de idade. Sou bastante brincalhona e me dou bem com todos. Já estou castrada e vacinada. (Divulgação)

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por