Entrar
Perfil
INOVAÇÃO

Mogiano cria sistema de geração remota de energia elétrica

Invenção de Danilo Tadeu Vieira de Sousa, que mora em Portugal, foi patenteada pelo Inpi

Carla Olivo
24/05/2022 às 08:51.
Atualizado em 24/05/2022 às 12:02

Mogiano, Danilo Sousa mora em Portugal e desenvolveu sistema de energia móvel (Arquivo Pessoal - Danilo Sousa)

O sistema de geração remota de energia elétrica criado pelo mogiano Danilo Tadeu Vieira de Sousa, 55 anos, que há 32 mora em Portugal, teve a certificação de patente emitida pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi), na semana passada. A invenção consiste na interligação, via internet, de uma placa fotovoltaica virtual a ser instalada em aparelho de telefonia móvel, e já disponível para aquisição em aplicativo nas plataformas IOS e Android. 

Segundo o inventor, a novidade promete revolucionar o mercado mundial de geração de energia elétrica e representa a solução para problemas como a escassez do recurso, aquecimento global do planeta e necessidade de diminuição da emissão de dióxido de carbono, já que a energia fotovoltaica é considerada limpa, ajudando na preservação do meio ambiente.

Em resumo, ao se registrar no site energiamovel.com ou no aplicativo de mesmo nome, o cliente adquire a placa virtual de produção de energia solar e pode visualizar sua própria produção energética.

O sistema funciona da seguinte forma: a placa fotovoltaica virtual, quando instalada, é interligada individualmente a uma placa fotovoltaica física, de propriedade da empresa operadora do sistema. Iniciada a produção real, acontece a contagem da produção energética captada e enviada ao aplicativo do celular da placa virtual a ela correspondente.

A cada período, a empresa responsável pela operação disponibiliza relatório detalhado da produção total e sua conversação, cujo valor será creditado na conta bancária do titular da placa virtual.

"Desenvolvi este trabalho há 12 anos e esta patente vai dar repercussão mundial porque estamos passando por um grave problema de alteração climática mundial, com o aquecimento global, e muitas empresas, governos e indústrias procuram uma tecnologia que não polua o meio ambiente. Com esta inovação, cada pessoa pode produzir sua própria energia através de aplicativo coligado às usinas fotovoltaicas. Isso ampliará muito o volume de energia gerado no mercado mundial, porque os usuários terão facilidade de gerar sua própria energia limpa, sem custos com o pagamento de chapas fotovoltaicas instaladas em telhados, indústrias ou fazendas", explica Danilo.

Ele afirma que, após 12 anos de estudos e investigações, apresentou o processo para registro no Inpi há 2 anos. "Consegui a patente mundial e agora sou proprietário único da radiação do sol digital e líder mundial. Com esta chapa fotovoltaica, que tem um tipo de relógio mostrando a produção diária de energia, a usina poderá estar em qualquer lugar do mundo", frisa.

O mogiano conta que, na bolsa de valores internacional, nove empresas já demonstraram interesse na compra de sua patente para instalação do sistema. "A repercussão será grande, principalmente porque esta invenção também está ligada à pegada do carbono. Países como Estados Unidos, China, Catar, entre outros, que são poluidores porque produzem energias fósseis, poderão usar este sistema em suas cotas de carbono", aposta.

Outro diferencial apontado por Danilo é que pesquisas desenvolvidas por especialistas em climatologia apontam que, se a invenção ganhar repercussão no mercado mundial, em até 8 anos será possível reduzir em seis graus a temperatura do planeta. "Há 12 anos, minha ideia era desenvolver um equipamento com tecnologia capaz de diminuir o aquecimento global. Estudei muito, pesquisei o sistema mundial de energia limpa e criei este aplicativo que todos podem acessar de forma rápida e, também de maneira ágil, gerar sua própria produção de energia limpa por meio da placa fotovoltaica virtual", diz.

Por fim, o mogiano prevê que, assim como os veículos elétricos diminuem o uso dos veículos movidos a combustíveis fósseis, sua invenção também pretende colaborar com o sistema climático. "Esta patente será a única solução mundial para diminuir o aquecimento global", frisa.

Mais informações podem ser obtidas pelo WhatsApp 00351-93201-3217 ou no email contacto@energiamovel.com .

Perfil

Nascido em Mogi das Cruzes, Danilo mora há 32 anos em Portugal. Gestor ambiental, ele é pós-graduado na área de meio ambiente, engenheiro especializado em engenharia de impacto ambiental e mestre em ordenamento do território.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por