Entrar
Perfil
EMPREGO

Contratação da indústria do Alto Tietê tem resultado positivo

Números são do primeiro trimestre, quando o setor gerou 371 postos de trabalho

O Diário
05/05/2022 às 17:11.
Atualizado em 05/05/2022 às 17:14

Indústria tem saldo positivo de contratações (Divulgação - José Paulo Lacerda - CNI)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
EMPREGO

Contratação da indústria do Alto Tietê tem resultado positivo

Números são do primeiro trimestre, quando o setor gerou 371 postos de trabalho

O Diário
05/05/2022 às 17:11.
Atualizado em 05/05/2022 às 17:14

Indústria tem saldo positivo de contratações (Divulgação - José Paulo Lacerda - CNI)

A indústria do Alto Tietê fechou o primeiro trimestre com saldo positivo de 371 empregos. O levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgado pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) apontou ainda, que o setor é responsável por gerar 70.005 postos de trabalho na região.

Os números positivos são referentes às cidades que integram a área de abrangência do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) no Alto Tietê (Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá, Salesópolis e Suzano). Segundo as informações do Caged, os setores que geraram mais oportunidades na indústria paulista nos três primeiros meses foram alimentos, couro e calçados, veículos e manutenção de máquinas e equipamentos.

O saldo de empregos de janeiro a março deste ano acompanha a tendência de alta registrada no mesmo período de 2021, mas numa escala bem menor, já que no ano passado foram criados 1.967 postos de trabalho no período. Neste primeiro trimestre, os resultados foram afetados pela alta da inflação, aumento dos juros e do dólar, além da guerra entre a Rússia e a Ucrânia, que impactou o preço dos insumos e inflou o custo de produção, o que desacelera o ritmo de contratação. Foram 462 vagas geradas em janeiro e 16 em fevereiro, enquanto em março foram fechadas 107.

Para efeito de comparação, a diretoria do Ciesp de Jacareí, região vizinha, apresentou saldo negativo de 253 empregos nos três primeiros meses desse ano, enquanto a região ficou positiva em 371.

“A indústria continua a enfrentar os reflexos negativos da pandemia de Covid-19 e somado a isso temos todas essas interferências, que desestabilizam a cadeia produtiva.  Portanto, fechar o trimestre positivo em contratações mostra que a indústria da região está se desenvolvendo, ainda que numa curva oscilante.  Agora é preciso aguardar o comportamento dos próximos meses para confirmar a tendência de recuperação do setor”, analisou José Francisco Caseiro, diretor do Ciesp Alto Tietê.

O Levantamento de Conjuntura da Fieso/Ciesp mostra, ainda, que no primeiro trimestre as vendas reais da indústria cresceram 5,0%, o primeiro avanço após quatro trimestres consecutivos de recuo. No período, os salários reais médios cresceram 1,7% e o nível de utilização da capacidade instalada aumentou 0,2 ponto percentual.

  

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
Copyright © - 2022 - O Diário de MogiÉ proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuído por