MENU
BUSCAR
AUTOMOTOR

BMW X3 chega em três versões híbridas

Com preços entre R$ 400 mil e R$ 450 mil, o novo X3 traz sempre motores 2.0 litros turbo a combustão que, aliado ao propulsor elétrico, gera potência combinada de 292 cv

O DiárioPublicado em 15/10/2021 às 13:40Atualizado há 1 mês
O design do novo BMW X3 ficou mais 'agressivo' / Foto: divulgação / BMW
O design do novo BMW X3 ficou mais 'agressivo' / Foto: divulgação / BMW

A BMW está lançando o novo BMW X3 híbrido plug-in no mercado brasileiro. O SUV traz estilo mais ousado, tecnologias avançadas e chega em três versões: xDrive 30e X-Line, que tem preço sugerido de R$ 399.950,00, e os inéditos xDrive30e M Sport, oferecido pelo preço sugerido de R$ 439.950,00, e xDrive30e M Sport Launch Edition, com preço sugerido de R$ 449.950,00. As configurações se diferenciam no estilo e equipamentos.

Em comum aos três, o design do novo BMW X3 ficou mais agressivo em todas as partes. Além de ser maior, a grade de duplo rim está ligada por uma moldura única. Para combinar, os faróis foram estreitados em dez milímetros e, assim, ficaram mais afilados e esportivos.As lanternas traseiras de LED adotaram design tridimensional e têm filetes que seguem o formato de uma pinça. 

Há mudanças de estilo que diferenciam as três opções de configuração. O X3 xDrive30e X-Line tem visual aventureiro e traz detalhes de alumínio nos para-choques e soleiras. O novo para-choque dianteiro tem entradas de ar verticais nas pontas. Já o para-choque traseiro exibe uma moldura que envolve as saídas de escapamento. Os faróis full LED são de série nessa versão. As rodas são de 20 polegadas e calçam pneus de medida diferentes na dianteira (245/45) e na traseira (275/40).

A versão xDrive30e M Sport tem visual diferenciado e aposta no estilo esportivo, com detalhes em preto na grade, para-choques e moldura dos vidros, que são cromadas no X-Line. O para-choque dianteiro tem contorno demarcado por vincos agressivos. As saídas de ar nos para-lamas frontais são diferentes das do X-Line e ficam logo abaixo da tampa da tomada de recarga. O para-choque traseiro acompanha essa inspiração e traz saídas de ar laterais e molduras das saídas dupla de escape no mesmo tom preto dos demais detalhes. Outra diferença do M Sport é o uso de faróis laserlight, cujo poder de iluminação é maior. As rodas aro 20 polegadas usam pneus com a mesma medida da versão X-Line.  Já a versão xDrive30e M Sport Launch Edition traz a grade frontal preta e volume limitado de unidades.

O que não muda nas versões é a tecnologia híbrida de condução. São duas unidades de propulsão que podem ser utilizadas simultaneamente ou separadamente. O X3 xDrive30e conta com a combinação de dois motores para gerar força plena e oferecer economia de combustível. O propulsor a combustão é o 2.0 litros turbo de 184 cv e 350 Nm de torque, que recebe a força plena do motor híbrido para gerar a potência combinada de 292 cv e chegar a 420 Nm de torque total. Os motores são associados ao câmbio automático de oito marchas e repassam a força para as quatro rodas graças ao sistema de tração integral xDrive, que também permite se aventurar por terrenos fora de estrada.  

De acordo com a situação exigida, o motor elétrico do BMW X3 pode movimentar exclusivamente o modelo até a autonomia estimada de até 46 quilômetros (ciclo WLTP) ou até 55 quilômetros (NEDC) no modo eDrive, que também permite atingir até 135 km/h. No modo Auto eDrive, dá para atingir até 110 km/h com propulsão elétrica. Para maior segurança dos pedestres, o modelo gera um ruído artificial para alertar as pessoas em volta a até 30 km/h. O tempo aproximado de recarga no wallbox (0 a 100%) é de três horas. No carregador portátil de 120V são cerca de 9 horas, tempo que baixa para 5h30 com 220V.

O modo Battery Control permite recarregar o veículo através do motor a combustão e manter a carga desejada para as baterias entre 30% e 100%. Assim, o veículo é movido, principalmente, pelo motor a combustão até atingir o nível desejado das baterias. Por sua vez, os modos Sport e Sport Plus permitem que os motores trabalhem em conjunto para oferecer a melhor performance, além de ajustar os amortecedores e respostas do motor e câmbio para entregarem a experiência mais esportiva possível. É possível personalizar o comportamento de cada um desses componentes no modo Individual.

ÚLTIMAS DE Automotor