Entrar
Perfil
Tecnologia

Mogiforte traz projetos exclusivos em segurança eletrônica

Empresa do conglomerado Padrão associa o controle de câmeras à atuação de consultores para atender necessidades na gestão de empresas e condomínios

Especial AGFE
28/04/2022 às 16:53.
Atualizado em 28/04/2022 às 17:41

Central de Monitoramento acompanha em tempo real todos os dados e sinais para evitar situações indesejadas (Divulgação / Padrão)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
Tecnologia

Mogiforte traz projetos exclusivos em segurança eletrônica

Empresa do conglomerado Padrão associa o controle de câmeras à atuação de consultores para atender necessidades na gestão de empresas e condomínios

Especial AGFE
28/04/2022 às 16:53.
Atualizado em 28/04/2022 às 17:41

Central de Monitoramento acompanha em tempo real todos os dados e sinais para evitar situações indesejadas (Divulgação / Padrão)

A Mogiforte é uma empresa do conglomerado da Padrão Serviços, regulamentada pela Associação Brasileira das Empresas de Segurança, que desenvolve projetos exclusivos em segurança eletrônica e monitoramento. Utiliza alta tecnologia para proporcionar as soluções mais inteligentes e melhorias de segurança nas gestões das empresas e condomínios residenciais, industriais e corporativos.

Muito além do controle de câmeras de segurança, os consultores técnicos da Mogiforte apresentam propostas em todos os tipos de ambiente e de situação, por meio de consultoria, análises, desenvolvimento, implementação e monitoramento.

“A Central de Monitoramento está entre as principais vertentes de segurança. Ela é montada em um ambiente todo pensado e estruturado para fazer o monitoramento de locais corporativos, industriais, residenciais, equipamentos, pessoas e muito mais”, explica Sidemir Inácio, diretor-presidente da Padrão Serviços, conglomerado mogiano que atua há mais de 30 anos no mercado.

Esse serviço é realizado por meio da análise dos dados que são fornecidos. Como sintetiza Sidemir, a Central de Monitoramento é um local onde toda a equipe trabalha e recebe dados, sinais e notícias sobre o sistema de segurança em específico. O intuito dessas ações, prossegue ele, é monitorar em tempo real algum tipo de sistema e, assim, evitar acontecimentos não desejados.

Carregando...

De acordo com o executivo, “também é essencial a instalação deste monitoramento oferecer a localização compatível com os riscos que vão ser monitorados, sistemas de controle de acesso físico, armazenamento de dados e outras precauções”.

A central de monitoramento da Mogiforte realiza esse serviço por meio de computadores, softwares modernos e especializados, assim como de linhas telefônicas, por onde fazem a comunicação e fornecem dados. Dessa forma, a Central de Monitoramento recebe as principais notícias e analisa os dados, além de buscar identificar anormalidades. Se algo que não está certo for notado, os colaboradores da Mogiforte seguem as normas-padrão. As medidas podem variar desde o envio de uma equipe ao local até o trabalho conjugado com órgãos de segurança pública.

Principais serviços

“A segurança sempre foi algo primordial ao bem-estar da sociedade. O aumento da violência gerou maior sensação de insegurança nas pessoas, empresas, condomínios, shopping, hospitais, etc. Em vista disso, a segurança eletrônica exerce também um papel fundamental na ampliação da segurança à população que passa a se sentir mais protegida”, analisa Sidemir.

A Mogiforte está estruturada, com equipamentos e recursos humanos, para oferecer uma gama de serviços voltados à segurança. Destacam-se monitoramento 24 horas via telefone; GPRS, internet e sistema Digifort; CFTV – sistema analógico e IP; alarmes e cercas eletrificadas; controle informatizado de acesso e botão de pânico.

Padrão na AGFE

Sócio-fundador da Agência de Fomento Empresarial (AGFE), Sidemir Inácio destaca que um dos atributos da entidade é o potencial de gerar novas oportunidades e qualificação profissional para fazer a economia mogiana crescer. A ideia é que as empresas de Mogi das Cruzes não busquem mão de obra nem serviços em outras cidades.

Criada em agosto último, a AGFE reúne 25 grandes organizações de Mogi das Cruzes e região, incluindo a Padrão Serviços, com os objetivos de impulsionar a economia, multiplicar oportunidades de negócios, gerar empregos e ampliar a qualificação profissional.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
Copyright © - 2022 - O Diário de MogiÉ proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Desenvolvido por
Distribuído por