Entrar
Perfil
DIA MUNDIAL SEM CARRO

Crescem os deslocamentos a pé na capital paulista e uso de bicicleta é mínimo

No Dia Mundial Sem Carro, pesquisa mostra paradoxo: 6 em cada 10 paulistanos andam a pé todo dia; por outro lado, aumentou a aquisição de veículos de passeio

O Diário
22/09/2022 às 13:56.
Atualizado em 22/09/2022 às 13:57

Dia Mundial sem Carro busca conscientizar sobre outros tipos de transporte para preservar o meio ambiente (Foto: arquivo / O Diário)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
DIA MUNDIAL SEM CARRO

Crescem os deslocamentos a pé na capital paulista e uso de bicicleta é mínimo

No Dia Mundial Sem Carro, pesquisa mostra paradoxo: 6 em cada 10 paulistanos andam a pé todo dia; por outro lado, aumentou a aquisição de veículos de passeio

O Diário
22/09/2022 às 13:56.
Atualizado em 22/09/2022 às 13:57

Dia Mundial sem Carro busca conscientizar sobre outros tipos de transporte para preservar o meio ambiente (Foto: arquivo / O Diário)

Pesquisa que marca o Dia Mundial sem Carro, nesta quinta-feira (22) aponta que 6 a cada 10 paulistanos se deslocam a pé diariamente ou quase todos os dias na cidade, tornando este o principal meio de deslocamento entre a população da capital paulista. O estudo "Viver em São Paulo: Mobilidade Urbana" foi lançado hoje pela Rede Nossa São Paulo, vinculada com o Instituto Cidades Sustentáveis (ICS).

Ao todo, 61% das pessoas entrevistadas afirmaram se deslocar a pé todos os dias ou quase todos os dias, número superior ao das que dizem utilizar o transporte público (40%), carro (28%) e bicicleta (4%).

Apesar disso, a sensação de insegurança é apontada como um grande problema entre os pedestres: 73% das pessoas que se deslocam a pé afirmam se sentir pouco seguras ou nada seguras ao atravessar a rua ainda que na faixa de pedestre, um aumento de 5 pontos percentuais em relação a 2021. O percentual de entrevistados que respondeu se sentir pouco seguro ou nada seguro ao andar pela calçada também foi de 73% - ante 69% em 2021.

Bicicleta

Por outro lado, a população da capital paulista ainda é resistente ao uso da bicicleta como meio de locomoção. A pesquisa mostrou que 52% da população não usa este meio de transporte e segue sem pretensões de utilizá-lo nos próximos 12 meses.

O número de usuários de bicicleta, que representa 4% da população, teve um aumento de 1 ponto percentual em relação a 2021, mas ainda segue abaixo dos 6% apresentados no ano de 2018.


Carro

A maioria relativa da população (42%) afirma ter diminuído a frequência com que usou o carro nos últimos 12 meses, enquanto 34% disse ter mantido a frequência e outros 21% aumentado.

Em contraste a estes números, a pesquisa mostrou que voltou a crescer o número de moradores da capital paulista que têm um carro de passeio, seja próprio ou da família: agora são 55%, um aumento de 8 pontos percentuais em relação ao ano anterior. O aumento mais expressivo foi notado entre a população que ganha de 2 a 5 salários mínimos: saltou de 56% para 71%.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por