Entrar
Perfil
LUTO

Bispo de Mogi se pronuncia sobre morte de dom Luiz de Orleans e Bragança

Bisneto da princesa Isabel estava internado há um mês em um hospital de São Paulo, onde faleceu nesta sexta-feira (15), aos 84 anos

Agência O Globo e O Diário
16/07/2022 às 14:36.
Atualizado em 16/07/2022 às 15:00

Dom Luiz de Orleans e Bragança, herdeiro da família imperial brasileira, morreu nesta sexta-feira (15), aos 84 anos (Reprodução - Redes sociais)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
LUTO

Bispo de Mogi se pronuncia sobre morte de dom Luiz de Orleans e Bragança

Bisneto da princesa Isabel estava internado há um mês em um hospital de São Paulo, onde faleceu nesta sexta-feira (15), aos 84 anos

Agência O Globo e O Diário
16/07/2022 às 14:36.
Atualizado em 16/07/2022 às 15:00

Dom Luiz de Orleans e Bragança, herdeiro da família imperial brasileira, morreu nesta sexta-feira (15), aos 84 anos (Reprodução - Redes sociais)

O bisneto da princesa Isabel, Dom Luiz de Orleans e Bragança, chefe da Casa Imperial do Brasil, morreu aos 84 anos de idade, nesta sexta-feira. O quadro de saúde dele era considerado "irreversível" pela equipe médica do hospital onde ele estava internado há cerca de um mês em São Paulo.

Dom Pedro Luiz Stringhini, bispo diocesano de Mogi das Cruzes, lamentou a morte em um comunicado oficial emitido "à sua Alteza Imperial e Real". "Recebi com profundo pesar a notícia do falecimento do saudoso dom Luiz de Orleans e Bragança, augusto irmão de Vossa Alteza. Externo, em meu nome e no da Diocese de Mogi das Cruzes, sinceras condolências, assegurando orações pela alma do pranteado Príncipe e pelo consolo da Família Imperial".

O falecimento foi confirmado pelas redes sociais da página Pró Monarquia:

"Com o falecimento do Senhor Dom Luiz, sucede-o como Chefe da Casa Imperial do Brasil seu irmão, o Príncipe Dom Bertrand de Orleans e Bragança, que a todos encarece orações em sufrágio da alma do augusto falecido", escreveu a página Pró Monarquia em sua conta no Instagram.

A última nota sobre o estado de saúde de Luiz de Orleans e Bragança reafirmava a gravidade de sua condição e dizia que ele estava sob cuidados paliativos.

Dom Luiz nasceu em Mandelieu-la-Napoule, no sul da França, em 6 de junho de 1938, sendo o primogênito dos doze filhos de Dom Pedro Henrique de Orleans e Bragança e de Dona Maria da Baviera de Orleans e Bragança. Na qualidade de herdeiro aparente dos direitos dinásticos de seu pai, Dom Luiz foi registrado no Consulado-Geral do Brasil em Paris.

Com o fim da Segunda Guerra Mundial, em 1945, os descendentes da família imperial brasileira voltaram ao país, de onde estavam afastados desde a proclamação da República, em 15 de novembro de 1889. Eles moraram no Rio de Janeiro e em Petrópolis até que, em 1951, transferiram-se para o Paraná.

Dom Luiz cursou Ciências Políticas e Sociais na Universidade de Paris (França) e Química e Física na Universidade de Munique (Alemanha). Formado engenheiro químico, retornou ao Brasil em 1967, estabelecendo-se em São Paulo e assumindo a direção do Secretariado de seu pai, que àquela altura residia no Sítio Santa Maria, em Vassouras (RJ). Com o falecimento do pai, em 5 de julho de 1981, Dom Luiz ocupou o posto de chefe da Casa Imperial do Brasil.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conosco
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por