Entrar
Perfil
ELEIÇÕES 2022

Alvo de bolsonaristas após lançar candidatura, Moro é chamado de ‘comunista’ por Ricardo Salles

Em entrevista, Salles disse que ex-juiz segue política da ‘dissimulação’ e da 'traição'

Agência O Globo
24/11/2021 às 17:46.
Atualizado em 24/11/2021 às 17:46

Ex-ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles falou sobre Moro (Divulgação - Agência Brasil)

Olá, quer continuar navegando no site de forma ilimitada?

E ainda ter acesso ao jornal digital flip e contar com outros benefícios, como o Clube Diário?

Já é assinante O Diário Exclusivo?
ELEIÇÕES 2022

Alvo de bolsonaristas após lançar candidatura, Moro é chamado de ‘comunista’ por Ricardo Salles

Em entrevista, Salles disse que ex-juiz segue política da ‘dissimulação’ e da 'traição'

Agência O Globo
24/11/2021 às 17:46.
Atualizado em 24/11/2021 às 17:46

Ex-ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles falou sobre Moro (Divulgação - Agência Brasil)

O ex-ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles criticou o lançamento da pré-candidatura do também ex-ministro Sergio Moro à Presidência. De acordo com Salles, o ex-juiz federal aceitou fazer parte do governo Bolsonaro mesmo não tendo nada em comum com a ideologia política do presidente, e afirmou que Moro é "a favor de drogas" e “comunista”. A declaração de Salles aconteceu durante sua participação no programa Jovem Pan Morning Show na manhã desta quarta-feira.

— A política de Moro é a política da dissimulação, da traição. O cara aceitou ministro do Bolsonaro sabendo que não tinha nada a ver com o governo, que ele é de esquerda, que ele é contra as armas, ele é a favor de drogas. Ele é comunista. O Moro é  comunista, lógico que ele é comunista — disse.

Carregando...

 A fala de Salles, que atualmente é comentarista da emissora, gerou alvoroço no programa. Os demais participantes da entrevista afirmaram que o ex-ministro estava exagerando.

— Me ajuda a te ajudar, Salles. Moro é de centro-esquerda — responderam ao apoiador de Bolsonaro.
Em resposta, Salles disse que Moro é um “tucano”.

— Vai dizer que o Moro não é esquerda? O Moro é centro-esquerda. O Moro é um tucano.

Na visão de outros comentaristas presentes, o apoio de Moro às medidas de restrição para conter a Covid-19 e a sua crítica à prática do orçamento secreto seriam exemplos de sua suposta posição ideológica.
Sergio Moro foi ministro da Justiça e Segurança Pública de Bolsonaro do começo do governo até abril de 2020. Depois de romper com o presidente, o ex-juiz se afastou da política, mas teve sua volta no início de novembro, quando se filiou ao Podemos.

Conteúdo de marcaVantagens de ser um assinanteVeicule sua marca conoscoConteúdo de marcaConteúdo de marca
O Diário de Mogi© Copyright 2022É proibida a reprodução do conteúdo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por